Notícia

O Liberal (PA)

"Do mato"

Publicado em 17 julho 2018

Pesquisa realizada para o Instituto Albert Einstein, com apoio da Fapesp, com integrantes das etnias Canubo, Canabari e Mati, no Amazonas, mostra que os “remédios de branco” têm efeito reduzido na comunidade. Segundo relatos de indígenas que usam medicamentos sintéticos, as drogas provocam redução nas dores em somente em 22,2% deles. Já os “remédios do mato”, feitos com plantas, são eficazes em 64,5% dos casos.