Notícia

UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Workshop de dois dias coloca canadenses em contato direto com pesquisadores da Unicamp

Publicado em 19 março 2012

Por Patrícia Lauretti

Apresentar os principais estudos em andamento na Unicamp nas áreas de fotônica e fotovoltaicos, nmanotecnologia e água, e também conhecer de forma mais aprofundada as pesquisas realizadas na McMaster University, de Ontario, Canadá. Este é o objetivo do encontro de dois dias promovido pela Coordenadoria de Relações Institucionais e Internacionais (Cori), entre os representantes das duas universidades, que começou nesta segunda-feira, 19, no auditório da Diretoria Geral da Administração.

O workshop já é resultado de visitas à Unicamp realizadas por docentes e dirigentes da McMaster University desde o final de 2011. "Ficamos impressionados com a capacidade de pesquisa e a porcentagem de estudantes em pós-graduação na Unicamp. Queremos que os nossos alunos canadenses trabalhem junto com os estudantes da Unicamp", afirmou Peter Mascher, vice-reitor de Pesquisa e Relações Externas da universidade canadense.

Na abertura do workshop o coordenador da Cori, professor Leandro R. Tessler salientou a importância destes eventos para o processo de internacionalização da Universidade. De acordo com ele, a McMaster University tem perfil "muito parecido" com a Unicamp e já deve disponibilizar 10 bolsas para cooperação. A Unicamp também poderá dispor de recursos da Fapesp para a parceria. "Temos um potencial imenso para cooperação com instituições do Canadá. O momento não poderia ser mais favorável", acrescentou Tessler. Em abril deste ano, a Unicamp deve receber a visita de uma delegação com 34 reitores de universidades daquele país.

Parque Tecnológico de Saint-Hyacinthe

Outro grupo canadense, vinculado ao Parque Tecnológico de Saint-Hyacinthe, pequena cidade próxima a Montreal, foi recebido na sala de reuniões da Pró-reitoria de Pós-Graduação (PRPG), na tarde de segunda-feira. O diretor do Parque Mario de Tilly, o responsável pela comunicação, Donovan St.-Hilaire, e Carole Morneau, diretora de Cooperação Científica do Ministério Federal da Agricultura Canadense se reuniram com o assessor da Cori, José Pissolato Filho, além do diretor executivo da Inova Unicamp Roberto Lotufo e a gerente do Centro de Inovação em Software e da Incubadora de Empresas de Base Tecnológica, Iara Regina Ferreira. O objetivo da visita foi discutir oportunidades de cooperação.

"Gostamos muito de como eles gerenciam os projetos e há expectativa de acordos bilaterais com a Universidade e também com a Inova", disse Pissolato. De acordo com o assessor, o Parque Tecnológico de Saint-Hyacinthe foi criado no mesmo ano que a Agência de Inovação - Inova Unicamp. O parque é da iniciativa privada e abriga empresas de vários países que pesquisam alimentos. "Lá a universidade está dentro do Parque", comentou. Após a recepção na PRPG, eles visitaram a Faculdade de Engenharia Agrícola (Feagri) e a Faculdade de Engenharia de Alimentos (Fea).