Notícia

Embrapa

Webinar discute tecnologias de fenotipagem de alto rendimento

Publicado em 03 novembro 2021

Evento internacional é promovido pelo Centro de Pesquisa em Genômica Aplicada às Mudanças Climáticas, uma parceria da Embrapa e da Unicamp, com apoio da Fapesp

Fenotipagem de alto rendimento é o tema do próximo webinar promovido pelo Centro de Pesquisa em Genômica Aplicada às Mudanças Climáticas (GCCRC), que ocorre em 11 de novembro, das 16 às 18 horas, no canal do Centro no YouTube. O evento vai discutir as técnicas mais inovadoras, incluindo sensores automatizados de última geração, uso de drones e câmeras hiperespectrais, para avaliar características agronômicas de grandes áreas, com baixo culto, alto rendimento e maior precisão. Também serão abordadas as diferentes formas de produção e análise de imagens ao longo do desenvolvimento de plantas em experimentos de campo.

O webinar será apresentado em inglês, com mediação do coordenador do GCCRC e professor da Unicamp, Paulo Arruda. São palestrantes os pesquisadores da Universidade de Nebraska-Lincoln, nos Estados Unidos, Daniel Schachtman, diretor do Centro de Biotecnologia da universidade e pesquisador na área de estresses bióticos e abióticos em plantas; Yen Ning Chai, pesquisadora de doutorado em microbiologia de plantas; Yufeng Ge, professor e especialista em fenotipagem baseada em sensores; e Yeyin Shi, professora e especialista na área de geração de dados e sistemas remotos na agricultura.

A participação no evento é gratuita, sem necessidade de inscrição. O ciclo de webinares “From Gene to Trait (Do gene ao campo)” convida pesquisadores renomados que atuam em temas na fronteira do conhecimento da área de genômica aplicada. A palestra “High throughput phenotyping (Fenotipagem de alto rendimento)” é voltada para pesquisadores, estudantes e profissionais da área de biotecnologia agrícola, e integra uma das atividades do curso “From Gene to Trait” oferecido anualmente pelo GCCRC.

Sobre o GCCRC

O Centro de Pesquisa em Genômica para Mudanças Climáticas (GCCRC) visa desenvolver tecnologias para aumentar a tolerância das plantas aos estresses impostos pelas mudanças climáticas globais. Resultado de uma parceria entre a Embrapa e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), o Centro é financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) por meio do programa Centros de Pesquisa em Engenharia. Está localizado em Campinas, no campus da Universidade. Saiba mais no site do GCCRC.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Agrolink