Notícia

O Povo online

Você sabia?

Publicado em 18 junho 2011

Novo tipo de supernova

Azul, brilhante e muito estranha. É um novo tipo de explosão estelar que poderá ajudar os cientistas a entender melhor os processos de formação de estrelas, de galáxias e do próprio Universo em sua infância.

Trata-se de uma nova classe de supernova – explosão de uma estrela maciça em estágio avançado de evolução –, dez vezes mais brilhante do que a do tipo Ia, a mais conhecida, e 100 bilhões de vezes mais luminosa do que o Sol. Descoberta por um grupo internacional de cientistas, foi descrita em artigo na Nature.

“Estamos diante de uma nova classe de supernova, até então desconhecida”, disse Robert Quimby, do Instituto de Tecnologia da Califórnia, Estados Unidos. O grupo identificou duas supernovas que pertencem à nova classe, que receberam os nomes de SN 2005ap e SCP 06F6, a primeira localizada a 3 bilhões de anos-luz da Terra e a segunda a 8 bilhões. Elas são superluminosas, mas não apresentam traços de hidrogênio. Além disso, emitem fluxos consideráveis de radiação ultravioleta durante períodos longos de tempo. Mais informações: www.nature.com.

FONTE: Agência Fapesp