Notícia

Bom Dia Fernandópolis

Vilar quer levar projeto de produção de biodiesel para todo o Estado de 2010

Publicado em 20 setembro 2009

A instalação de uma usina de transformação de óleo comestível em biodiesel com capacidade de produção de 10 mil litros por mês deverá ser levado de Fernandópolis para todas as regiões do Estado. A previsão é do prefeito Luiz Vilar (DEM). "Será um projeto modelo, que certamente será adotado por todas as cidades", disse.

A produção de biodiesel a partir do reaproveitamento de óleo comestível utilizado em cozinhas é uma iniciativa da Unicamp e da Fundação Educacional de Fernandópolis, com a participação da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) e empresas da cidade, mais a Sabesp que deve ingressar no projeto até o final do ano, além da prefeitura. O custo estimado até agora é de R$ 1,2 milhão.

Na parceria, o município vai ingressar com a cessão de uma área de cinco mil metros quadrados, no parque industrial 2, que fica na zona norte da cidade. O óleo produzido será usado pela prefeitura e pelas empresas do projeto.

Vilar também previu que a usina entrará em operação no primeiro semestre do ano que vem. "Até lá vamos lançar uma campanha de participação dos moradores, que irão fornecer restos de óleo utilizado na cozinha". Trinta postos de coleta serão montados em bairros. O reaproveitamento do produto vai eliminar, principalmente, riscos de contaminação de rios e do lençol freático.