Notícia

Info Exame online

Vacina brasileira contra o HIV começará a ser testada em macacos

Publicado em 05 agosto 2013

Brasília - A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) informou nesta segunda-feira que vai começar a experimentar em macacos uma vacina que pode combater o vírus da Aids. A estimativa é que a pesquisa dure dois anos.

Os cientistas que desenvolveram a vacina, batizada como HIVBr18, pode ser "um método de imunização eficaz" contra a Aids. As pesquisas começaram em 2001 e foram conduzidas por cientistas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

De acordo com a Fapesp, durante a pesquisa foi analisado o sistema imunológico de portadores do HIV que, ao contrário de outros, apresentavam maior resistência ao vírus.

Os primeiros experimentos começarão com um grupo de macacos do Instituto Butantã, um dos principais centros científicos públicos do Brasil, vinculado à Secretaria de Saúde de São Paulo.

Por Agência EFE