Notícia

Ambiente em Foco

USP terá estação experimental de agroenergia

Publicado em 06 abril 2010

O Governo do Estado de São Paulo anunciou a implantação da Estação Experimental de Agroenergia da Universidade de São Paulo (USP) em Jaú, região noroeste do Estado, que servirá de apoio a pesquisas nacionais e internacionais em bionergia.

Na estação serão desenvolvidos trabalhos, aulas e estudos de campo, principalmente em experimentos com a cana-de-acúcar. Segundo a USP, trata-se do primeiro espaço voltado para ensino, pesquisa e extensão em bioenergia fora da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq).

A parte administrativa e as salas de aula da nova unidade de pesquisa serão instaladas em uma área da extinta Companhia Jahuense, doada à USP. Outro espaço de pesquisa, também em Jaú, será compartilhado pela Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento com a Esalq.

De acordo com o diretor da Esalq, Roque Dechen, as atividades em Jaú devem começar dentro de algumas semanas, após uma reunião de definições com a equipe da Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), ligada à Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento. Dechen afirmou ainda que Jaú terá um novo espaço para que os estudantes possam fazer residência agronômica no campo.

A previsão é que na nova unidade da USP em Jaú sejam instalados o Polo de Aplicação e Desenvolvimento de Tecnologias da Agroenergia e Biomassa e o Centro de Ensino e Treinamento em Agroenergia. Ali deverão ser realizados cursos de treinamento em agroenergia para pesquisadores e alunos de países da África, Caribe e da América Latina. Além disso, Jaú deve também concentrar uma nova área de agroenergia para o curso de agronomia da Esalq.

Fonte: Agência Fapesp