Notícia

Secretaria de Ensino Superior (SP)

USP aprova seu primeiro curso de graduação no programa UNIVESP

Publicado em 11 fevereiro 2009

Aulas devem começar no segundo semestre

 

O Conselho Universitário da USP aprovou ontem (10) a criação do primeiro curso de graduação que fará parte do Programa ‘Universidade Virtual do Estado de São Paulo' (UNIVESP), iniciativa da Secretaria Estadual de Ensino Superior. O curso, de licenciatura em ciências, tem como principal objetivo a formação de professores de ciências para o ensino fundamental.

Serão oferecidas 360 vagas anuais, distribuídas em quatro pólos, com 90 alunos cada, nos campi de São Paulo, Ribeirão Preto, Piracicaba e São Carlos. A licenciatura em ciências terá carga horária total de 2.835 horas, contemplando todos os componentes comuns estabelecidos para os cursos de licenciatura, de graduação plena, como também os previstos no Programa de Formação de Professores da USP. As normas e as datas do Vestibular serão estabelecidas pelo Conselho de Graduação da Universidade

O PROGRAMA UNIVESP foi instituído em outubro do ano passado, a partir da assinatura do Decreto no. 53.536 pelo Governador do Estado de São Paulo. Trata-se de uma ação cooperativa, inclusiva, que visa articular iniciativas de sucesso para formação superior com base em novas tecnologias de informação e de comunicação realizadas pelas universidades estaduais paulistas - USP, UNESP e UNICAMP-, contando com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa no Estado de São Paulo (FAPESP), da Fundação do Desenvolvimento Administrativo Paulista (FUNDAP) e da Fundação Padre Anchieta (FPA). O objetivo do programa é ampliar o acesso à educação superior pública e de qualidade no Estado de São Paulo.

Em dezembro de 2008, a Universidade Estadual Paulista (UNESP) aprovou o curso de Pedagogia, também integrante do PROGRAMA UNIVESP. A proposta prevê a oferta de 5 mil vagas para professores em atividade do ensino médio e fundamental que ainda não tenham obtido diploma de ensino superior.

O processo de seleção (vestibular) dos dois cursos, de pedagogia da UNESP e de ciências da USP, está previsto para o primeiro semestre de 2009 e as aulas terão início em agosto. Os interessados devem acompanhar as informações sobre o cronograma de inscrição nas páginas da internet das respectivas universidades e na página da Secretaria de Ensino Superior.

Aspectos institucionais

O PROGRAMA UNIVESP vem atender a preceito do Plano Nacional de Educação, instituído pela Lei federal nº 10.172, de 2001, que em seu item 6.2 afirma "ser preciso ampliar o conceito de educação à distância para poder incorporar todas as possibilidades que as tecnologias de comunicação possam propiciar a todos os níveis e modalidades de educação".

Alicerçada nos pilares acesso, qualidade e eqüidade, a educação à distância possibilita maior abertura e flexibilidade do ensino, características que vêm ao encontro das finalidades do Estado. Para implementar um programa de formação de recursos humanos no âmbito do ensino superior com tal amplitude, já foram firmados, então, termos de cooperação entre a SES-SP e as três universidades públicas paulistas, a FUNDAP e a Fundação Padre Anchieta (FPA). Assim, foi estabelecida uma relação institucional, não hierarquizada, consolidada entre os Núcleos UNIVESP de cada parceiro envolvido no programa.

Vale destacar que os cursos serão oferecidos tanto de forma consorciada entre as universidades como de maneira isolada. Com isto, respeitam-se as peculiaridades regionais e o equilíbrio de certificação entre as universidades paulistas.