Notícia

Estadão.com

Uso maciço de bioquerosene de avião levará até 40 anos

Publicado em 10 junho 2013

Por Luciana Collet
SÃO PAULO - O uso maciço de biocombustíveis na aviação deve demorar ainda entre 20 e 40 anos, muito embora diversas iniciativas tenham sido vistas ao longo dos últimos anos e são desenvolvidas em todo mundo, por vários representantes da cadeia produtiva do setor. Será uma introdução gradual do bioquerosene de aviação no querosene de origem fóssil, e sem a necessidade de adaptação das estruturas existentes, como dutos, tanques e bombas dos aviões. O novo combustível não terá uma única matéria-prima, mas poderá ser [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.