Notícia

TV Cultura

Unifesp realiza pesquisa para identificar dor em bebês recém-nascidos

Publicado em 21 julho 2020

Um estudo da Unifesp em parceria com a FEI ganhou o prêmio da Academia Nacional de Medicina ao apostar no reconhecimento facial para identificar dor em recém-nascidos. O estudo vai ajudar profissionais de saúde durante procedimentos comuns como vacinas e teste do pezinho.

Vídeo de reportagem do Jornal da Tarde, da TV Cultura, sobre pesquisa da Escola Paulista de Medicina (EPM) da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) que desenvolveu um software que detecta expressões faciais relacionadas à sensação de dor em recém-nascidos, que auxilia no cuidado com os bebês, possibilitando intervenções mais ágeis e precisas. O projeto foi conduzido por Ruth Guinsburg com apoio da FAPESP por meio de Auxílio à Pesquisa - Regular