Notícia

Jornal Brasil

Unifesp avança no desenvolvimento de pesquisas internacionais

Publicado em 19 janeiro 2013

Casal de cientistas da New York University formarão uma equipe na Universidade para estudar o parasita causador da malária O casal de cientistas brasileiros Ruth e Victor Nussenzweig, pesquisadores da New York University (NYU), radicados nos Estados Unidos desde a década de 60, estão de volta ao Brasil, especificamente na Unifesp para desenvolver parte da pesquisa que visa a busca de vacinas contra a malária. O projeto é financiado pela SPEC (Excellence Chairs), programa-piloto da Fapesp que estabelece colaborações entre instituições do estado de São Paulo e pesquisadores do exterior.

Considerada uma dupla de renome internacional, o casal Nussenzweig chegou em São Paulo no dia 17 de janeiro de 2012 e passará três meses, durante três anos consecutivos no país, como professores afiliados à Unifesp. Aqui formarão uma nova equipe e trabalharão no laboratório de Purificação de proteínas do Edifício de Pesquisa II da Universidade para estudar o parasita causador da malária - desenvolvendo inibidores e enzimas e a obtenção de novas drogas para combater a doença.

Os pesquisadores estarão associados aos professores-colaboradores da Unifesp: Beatriz Castilho, Nobuko Yoshida, Maurício Rodrigues e Sergio Schenkman do Departamento de Microbiologia, Imunologia e Parasitologia e Reinaldo Salomão da Disciplina de Infectologia, que acompanharão todo o processo da pesquisa e dos participantes envolvidos.

Para Sérgio Schenkman a vinda de pesquisadores de destaque internacional na Unifesp contribui para o aumento da qualidade das pesquisas e para atrair outros grupos para o país, com o objetivo de internacionalizar a ciência brasileira.

Fonte: Unifesp