Notícia

UNICAMP - Universidade Estadual de Campinas

Unicamp participa de mais dois centros de produção científica e tecnologia de ponta

Publicado em 09 dezembro 2008

Além de liderar cinco centros de produção científica e tecnologia de ponta, criados pelo Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT), por meio do Programa Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCT), em parceria com a Fapesp, a Unicamp participa com seus pesquisadores de pelo menos outras duas linhas de pesquisa. Os ginecologistas Luis Bahamondes e Carlos Alberto Petta, da Faculdade de Ciências Médicas (FCM), integram o projeto Instituto Nacional de Hormônios e Saúde da Mulher, coordenado pela professora Poli Spritzer, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Outra linha, denominada Instituto de Estudos das Relações Exteriores dos Estados Unidos, conta com o envolvimento dos professores Sebastião Velas e Reginaldo Moraes, ambos do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Unicamp, coordenado pelo professor Tullo Vigevani, da Universidade Estadual Paulista 'Júlio de Mesquita Filho' (Unesp). Estes três pesquisadores também encabeçam uma cooperação no curso de Mestrado Acadêmico de Relações Internacionais, dos Programas de Pós-Graduação em Relações Internacionais da Unicamp, da Unesp e da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP).

Para apoiar todos os institutos selecionados a partir do edital lançado em 4 de agosto de 2008, serão investidos cerca de R$ 187 milhões. Aprovados por pesquisadores internacionais, os projetos especializados em cada uma das áreas contempladas possuem características dos projetos temáticos da Fapesp, que se destinam a apoiar propostas inovadores. A meta desses centros é atingir uma posição estratégica no sistema nacional de ciência e tecnologia. Todos deverão ter uma instituição sede acompanhada de grupos de pesquisa organizados de forma regional ou nacional. A atuação de cada unidade será acompanhada pelas entidades parceiras, já a avaliação será realizada pelo Centro de Gestão e Estudos Estratégicos (CGEE).