Notícia

IG

Um verme, vários hospedeiros

Publicado em 21 setembro 2006

Uma associação importante sobre a ocorrência de um verme do mesmo gênero em hospedeiros diferentes, inclusive em humanos, foi feita por pesquisadores da Embrapa Instrumentação Agropecuária, unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, em parceria com o Instituto de Física de São Carlos (IFSC), da Universidade de São Paulo (USP), ambos em São Carlos (SP).

O coordenador do estudo, Antonio Pereira de Novaes, da Embrapa, estuda desde 1976 a ocorrência do verme microscópico estefanofilária (Stephanofilaria spp) em feridas crônicas de animais domésticos e silvestres. "Desde aquela época essa parasitose é conhecida por provocar feridas de vários tamanhos e que demoram muito tempo para cicatrizar, especialmente em bovinos e eqüinos", disse Novaes à Agência FAPESP.