Notícia

Folha de S. Paulo

Um passo para o intercâmbio internacional

Publicado em 04 janeiro 2013

Por Rogerio Meneghini
A aspiração para promover ascensão da cultura e da ciência paulistas foi o detonador provido por uma elite do Estado de São Paulo dos anos 30. O combustível se constituiu na instabilidade política e econômica da Europa nessa época. Uma comissão de busca foi ao continente para convencer cientistas da França, da Itália e da Alemanha a migrar para São Paulo e a ensinar numa universidade que veio a ser criada em 1934. É muito claro que, sem esta migração catalisada, o trajeto da USP seria outro e certamente ciência não teria [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.