Notícia

Época Negócios

Um guia para avaliar as empresas

Publicado em 01 março 2012

Um giro completo sobre as maiores empresas do país. É esta a ambição do anuário Época NEGÓCIOS 360°. Os trabalhos de coleta de informações já começaram, para que a edição seja lançada no segundo semestre deste ano.

Será o primeiro guia brasileiro a considerar todas as dimensões relevantes para determinar o peso das companhias na sociedade e sua capacidade de se manter no topo. A classificação vai considerar não apenas o desempenho financeiro, mas também a qualidade da governança corporativa, o nível de responsabilidade socioambiental, as políticas de recursos humanos, a capacidade de inovação e a visão de futuro (a forma como a empresa planeja seu futuro).

Na identificação das principais empresas do país, Época NEGÓCIOS terá a parceria técnica da Fundação Dom Cabral e o apoio da Economática e da Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial). Contaremos também com o auxílio de um conselho de notáveis, composto por:

COMO SERÁ A ESCOLHA

As maiores empresas do país serão convidadas a responder a um questionário dividido em seis partes. Com base em suas respostas, e com apoio do conselho, serão apontadas as 30 campeãs setoriais, e as melhores em cada dimensão.

Numa segunda fase, as 30 campeãs serão analisadas pelos seus stakeholders, os públicos com os quais se relacionam - funcionários, investidores, fornecedores, clientes e comunidade. Os assinantes de Época NEGÓCIOS também serão convidados a opinar.

Ao final deste processo, a redação de Época NEGÓCIOS, em conjunto com a Fundação Dom Cabral e o conselho de notáveis, indicará a melhor empresa do Brasil.

Os resultados - com reportagens, artigos e tabelas com diversos rankings - serão publicados no anuário Época NEGÓCIOS 360°, um mapa para analisar de forma abrangente as principais empresas do Brasil.

Mais detalhes sobre o anuário estão em http://epocanegocios.globo.com/360

Ricardo Young

Instituto Ethos

Gilberto Mifano

Instituto Brasileiro de Governança Corporativa

Keyler Carvalho Rocha

Instituto Brasileiro de Executivos de Finanças

Luiz Carlos Cabrera

FGV

Mozart Pereira

Fundação Dom Cabral

Carlos Henrique de Brito Cruz

Fapesp

Oscar Motomura

Amana-Key