Notícia

Agência Brasileira de Notícias

Último debate do projeto Arquivos da Repressão e da Resistência será neste sábado

Publicado em 31 agosto 2006

Neste sábado (02), acontece, na Estação Pinacoteca, o último seminário do projeto Arquivos da Repressão e da Resistência- iniciativa do Arquivo Público do Estado, que preserva documentos e materiais relativos ao DEOPS.

A ação tem o objetivo de divulgar a importância de se conhecer e analisar arquivos referentes à história do Brasil (do período de 1826 a 1983). O material de apoio do evento se mantinha, até então, inacessível a pesquisadores e à população em geral.

Às 10h30, o jornalista Júlo Lerner presidirá o debate Memórias da Repressão. As educadoras Criméia Alice Schmidt e Lílian Celiberti; o jornalista Fávio Tavares e o juiz de direito Marcio José Moraes darão testemunhos e responderão perguntas do público. Já às 12h30, três livros serão lançados: Historias da Repressão e da Resistência (Associação Editorial Humanitas; Imprensa Oficial; PROIN e Fapesp), Inventário DEOPS (Associação Editorial Humanitas; Imprensa Oficial; PROIN e Fapesp) e Intolerância Política — 1 (Editora Lazuli)

Também no local, cinco painéis reúnem materiais do Arquivo Público do Estado. A exposição Vozes Silenciada- Fragmentos da Memória traz fotografias e documentos originais de instituições e de políticos que participaram ativamente desta época de repressão. Curadoria de Maria Luiza Tucci Carneiro.

Vale lembrar que a Estação Pinacoteca mantém o Memorial da Liberdade. O espaço preserva duas celas, onde os presos políticos da Ditadura Militar permaneciam enclausurados.