Notícia

Esteta

UFSCar e University of Northampton selecionam recém-doutores para workshop

Publicado em 13 novembro 2014

A Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) e a University of Northampton (UoN), no Reino Unido, abriram as inscrições para a seleção de 12 recém-doutores vinculados a instituições de educação superior do Estado de São Paulo e de 12 pesquisadores ligados a instituições britânicas para estabelecer um grupo de pesquisa e colaboração científica internacional dedicado a questões de educação especial e inclusiva.

 

A iniciativa, que tem apoio da FAPESP, do British Council e do Newton Fund, é um dos 16 workshops aprovados no âmbito da chamada de propostas lançada pelas duas instituições em 2014.

 

A submissão de propostas para o workshop Becoming visible: comparing inclusive and special education policies, practices and research in Brazil & the UK, que será realizado entre 10 e 12 de março de 2015 em São Carlos (SP), pode ser feita até o dia 24 de novembro.

 

O workshop reunirá 24 pesquisadores recém-doutores dos dois países com o objetivo de estabelecer relações internacionais para futura colaboração e potencializar as oportunidades acadêmicas.

 

O evento será coordenado por Richard Rose, professor da UoN, e por Enicéia Gonçalves Mendes, da UFSCar. Quatro pesquisadores seniores também colaborarão ativamente para o workshop: Cristina Devecchi (UoN), Liz Todd (Newcastle University, Reino Unido), Maria Amélia Almeida e Cristina Bróglia Feitosa de Lacerda (ambas da UFSCar).

 

Os candidatos devem ter concluído o doutorado há menos de 10 anos e ser pesquisadores na área de educação especial e inclusiva.

 

Haverá cinco grupos temáticos: Identificação e avaliação da deficiência e necessidades educacionais especiais: enfrentando tensões entre a invisibilidade e superidentificação; Incluindo crianças nas escolas: práticas baseadas em evidências; Evidências da sala de aula: os professores criando ambientes inclusivos eficazes; Investigando abordagens interdisciplinares para a inclusão: trabalhando com profissionais fora das escolas; e Elaborando uma agenda mais visível: a pesquisa influenciando em mudanças políticas.

 

Todas as despesas com viagens e acomodações serão cobertas pelo projeto, no âmbito da chamada FAPESP-British Council Researcher Links.

 

Mais informações em: http://www.becomingvisible.ufscar.br/?page_id=175

 

Agência FAPESP