Notícia

Portal Exame

Trinta moléculas são descobertas em veneno de serpentes

Publicado em 04 dezembro 2012

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
São Paulo - Trinta novas moléculas – algumas com potencial ação farmacológica – foram descobertas no Instituto Butantan durante uma pesquisa que mapeou o conjunto de peptídeos existente no veneno de três espécies de serpentes do gênero Bothrops, entre elas a jararaca. “O objetivo do trabalho era descrever a complexidade do peptidoma, ou conjunto de peptídeos, presente no veneno das espécies B. jararaca, B. cotiara e B. fonsecai”, contou Solange Maria de Toledo Serrano, coordenadora da pesquisa. Os resultados do estudo, [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.