Notícia

Diário do Poder

Tese sobre partidos políticos dos Estados Unidos vence prêmio internacional

Publicado em 21 janeiro 2019

Por Agência FAPESP

O trabalho “Política externa americana no pós-guerra fria: como se posicionam Democratas e Republicanos”, de Flávio Contrera, foi o vencedor do prêmio Fulbright-Capes de Tese 2018. A tese foi defendida em 2017 com orientação da professora Maria do Socorro Sousa Braga, do Centro de Educação e Ciências Humanas da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e teve apoio da FAPESP.

Contrera receberá uma bolsa para realizar o pós-doutorado em instituição nos Estados Unidos. Segundo Contrera, o trabalho procurou “identificar diferenças de ênfases temáticas na composição das agendas de política externa de Democratas e Republicanos no Pós-Guerra Fria”.

“Com o término da Guerra Fria, eliminou-se também o elemento de consenso em política externa entre democratas e republicanos. As questões externas constituem uma pauta sempre presente na disputa presidencial americana, embora muito raramente assumam a centralidade do debate. Por outro lado, há muita discussão a respeito das diferenças de agendas e propostas dos partidos estadunidenses no plano doméstico.

Enquanto republicanos geralmente são vistos pelos americanos como os mais capazes de lidar com as questões de império da lei e defesa nacional, os democratas, por seu turno, são vistos como aqueles que melhor lidam com temas de bem-estar social e questões de direitos civis”, disse o autor no resumo do projeto. O prêmio Fulbright-Capes destaca o melhor trabalho de doutorado que evidencie a amplitude e a profundidade das relações Brasil-Estados Unidos.

O trabalho de Contrera também recebeu menção honrosa no Prêmio Capes de Tese 2018. Criado em 2005, o prêmio é oferecido anualmente às melhores teses de doutorado de cada uma das 49 áreas do conhecimento. Os critérios de premiação devem considerar a originalidade do trabalho, sua relevância para o desenvolvimento científico, tecnológico, cultural, social e de inovação, além da valorização dada pelo sistema educacional ao candidato. Menção honrosa Duas teses, em cada uma das áreas, também poderão ser agraciadas com a menção honrosa.

São concedidos, ainda, prêmios especiais para áreas predeterminadas, em parceria com a Fundação Carlos Chagas e a Comissão Fulbright. Há ainda a entrega do Grande Prêmio Capes de Tese, concedido em parceria com a Fundação Conrado Wessel, à tese de maior destaque de cada área da Ciência (Científica, Saúde e Humanas). Mais informações: www.capes.gov.br/sala-de-imprensa/noticias/9196-tese-sobre-partidos-dos-eua-recebe-premio-especial-da-fulbright. Leia mais sobre Ciência, Tecnologia e Inovação em BRASIL CTI.