Notícia

O Estado de S. Paulo

Terapia de estimulação não chega a um terço dos bebês com microcefalia

Publicado em 15 abril 2017

Por Fabiana Cambricoli
Nascida em outubro de 2015, no Recife, Giovanna foi uma das primeiras bebês vítimas do surto de microcefalia associado ao zika. Hoje com 1 ano e 5 meses, ela ainda aguarda uma vaga para fazer fisioterapia, fono e outras terapias que poderiam aliviar os problemas de desenvolvimento causados pela má-formação. Vítima da mesma epidemia, Mikaelly nasceu em fevereiro de 2016, em Jundiaí, interior de São Paulo, e também está na fila de espera pelo tratamento de reabilitação. Esses casos não são exceção. Dados inéditos do Ministério [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.