Notícia

Folha de S. Paulo

Tatus arqueólogos rendem Ig Nobel a cientista da USP

Publicado em 03 outubro 2008

Por Claudio Angelo, editor de ciência
Demorou, mas aconteceu. Pela primeira vez na história deste país, brasileiros foram agraciados com o Ig Nobel, o Nobel da pesquisa esdrúxula, dado a estudos que "fazem você rir e depois pensar". A honra coube ao arqueólogo Astolfo Araújo, da USP, e seu colega José Carlos Marcelino, do Departamento do Patrimônio Histórico de São Paulo, "por demostrarem que tatus são capazes de bagunçar sítios arqueológicos". Por incrível que pareça, o estudo é sério. Em 2003, Araújo e Marcelino publicaram no periódico "Geoarchaeology" um [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.