Notícia

GVces - Centro de Estudos em Sustentabilidade

SP - Horto Florestal terá nova identidade visual

Publicado em 16 novembro 2010

Agência FAPESP - A Secretaria de Estado do Meio Ambiente e a Universidade Darmstadt de Ciências Aplicadas, da Alemanha, assinaram um termo de cooperação para desenvolver um novo sistema de identidade visual para o Horto Florestal (Parque Estadual Alberto Löfgren) e demais parques que formam a Reserva da Biosfera do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo. O protocolo foi assinado no dia 10 pelo secretário do Meio Ambiente, Pedro Ubiratan Escorel de Azevedo, pelo diretor do Instituto Florestal, Rodrigo Antônio Braga Moraes Victor, pelo presidente da Universidade Darmstadt, Ralph Stengler, e pelo professor Christian Pfestorf. O evento contou com a presença do cônsul geral da Alemanha, Matthias Von Kummer, e do secretário estadual do Comércio, Transportes e Desenvolvimento de Hesse (estado alemão), Dieter Posch.

"A Alemanha é um grande parceiro do Brasil e de São Paulo. A nova identidade visual ajudará a atrair a população para os parques que formam o Cinturão Verde. É preciso conhecer para preservar", disse Azevedo.

Além do logo, será modificada toda a sinalização dos parques para torná-la mais atrativa. Criada em 1994, a reserva abrange 73 municípios em torno da cidade de São Paulo.

A área representa um complexo sistema de florestas, regiões agrícolas, zonas industriais e cidades, que compreende áreas protegidas estaduais como o Parque da Serra do Mar, o Parque da Cantareira e o Horto Florestal.

O Horto Florestal foi criado em 1896, pelo naturalista e botânico sueco Alberto Löfgren. A biodiversidade do parque é rica e representativa, com importantes coleções arbóreas e muitas espécies exóticas como eucalipto e pinheiro-do-brejo, e nativas como o pau-brasil, carvalho-nacional, pau-ferro e jatobá.

O parque conta ainda com um núcleo de educação ambiental onde desenvolve várias atividades educativas com escolas e o público em geral.

O acordo de cooperação vai além da criação da nova identidade visual. "A parceria contemplará atividades de aplicação e desenvolvimento de programas conjuntos de ensino e pesquisa", disse Stengler.

Mais informações: www.ambiente.sp.gov.br