Notícia

Página Rural

SP: Esalq inaugura unidade experimental de confinamento de bovinos leiteiros

Publicado em 12 março 2015

Piracicaba/SP - Professores, funcionários, alunos e convidados da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" (USP/Esalq) acompanharam na manhã desta quinta-feira (12), a inauguração da unidade experimental de confinamento de bovinos leiteiros "Professor Vidal Pedroso de Faria" e a revitalização do centro de treinamento de recursos humanos do Departamento de Zootecnia.


O diretor da Escola, professor Luiz Gustavo Nussio, destacou, durante o evento, a importância do professor Vidal Pedroso Faria para a Esalq. "O professor é uma referência profissional e de figura humana, que sempre teve disposição e comprometimento com a nossa instituição. Trata-se de um visionário que junto a sua geração construiu uma iniciativa que se distinguiu mais pela filosofia do que pelos bens materiais e, assim, cativou gerações. Promoveu a integração do conhecimento na produção de ruminantes, realçou o conceito de sistema de produção e reforçou a ideia de que harmonizar o todo e buscar o ganho coletivo revela-se como estratégia para promover ganhos individuais", disse.

Ainda segundo Nussio, a nova instalação experimental está entre as maiores da América do Sul. "O local é desenhado para 60 animais adultos, com livre estabulação e acesso a cochos para consumo de alimentos e bebedouros com dispositivo de reconhecimento individual, que permitem acompanhamento do comportamento de ingestão do animal em tempo real", explicou.

Vidal Pedroso de Faria agradeceu, feliz pela homenagem. "Fiquei muito emocionado com o fato de ter meu nome inserido aqui na Escola, onde eu comecei a trabalhar e passei minha vida toda. Nessas terras onde fizeram o estábulo é onde eu trabalhava todo dia, então pra mim foi uma satisfação muito grande e estou extremamente feliz", contou. O professor ressaltou, também, os benefícios da nova unidade experimental. "Acho que vai abrir uma perspectiva muito grande em trabalhos de pesquisa, no Brasil. É uma unidade que tem nível internacional e possibilita trabalhos mais sofisticados que não tínhamos condição de fazer anteriormente. Por isso, é uma evolução fantástica que vai trazer benefícios muito grandes para o país, para o Estado de São Paulo e, logicamente, para os produtores de leite no geral", concluiu.

Após a inauguração, os participantes se dirigiram ao espaço revitalizado do Centro de Treinamento de Recursos Humanos do Departamento de Zootecnia. O chefe do departamento, de 2012 a 2014, Flávio Augusto Portela Santos, que acompanhou o desenvolvimento do projeto, falou do local. "Usamos essa instalação para treinamento dos nossos alunos de graduação e pós-graduação, produção de pesquisa e também difusão de tecnologia de extensão, além de formar como técnicos os produtores que vem para a Esalq conhecer nosso sistema de confinamento e produção em pastagem", afirmou Santos.

O projeto conta com o apoio da Prefeitura do Campus USP "Luiz de Queiroz" (Pusp-LQ), Fundação de Estudos Agrários "Luiz de Queiroz" (Fealq), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e empresas vinculadas ao programa de parceiros da Esalq.


Fonte: Esalq/USP