Notícia

Página Rural

SP: Caunesp inaugura Laboratório de Aquicultura Sustentável

Publicado em 01 agosto 2017

O Centro de Aquicultura da Universidade Estadual Paulista (Unesp) inaugurou o Laboratório de Aquicultura Sustentável, localizado no Câmpus de São Vicente da universidade.

O Laboratório foi financiado pelo consórcio que integrou o Programa Repensa Brasil, que contou com a participação da Fapesp, do Conselho Nacional para o Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e do Ministério da Pesca e Aquicultura. Fora as atividades iniciais do laboratório, a Fapesp financiou vários de seus equipamentos.

O laboratório está equipado para realizar análises de energia, carbono, nitrogênio e fósforo em amostras sólidas, líquidas e gasosas. Ele permite medir a emissão de gases do efeito estufa e realizar análises de ciclagem de nutrientes. Ciclagem é o caminho que os elementos químicos fazem nos sistemas vivos, desde sua captação, normalmente numa forma inorgânica, até a sua liberação na forma de compostos inorgânicos.

Além disso, no laboratório é possível realizar análises fisiológicas com a determinação do consumo de oxigênio e das cargas liberadas de amônia e fósforo pelos organismos de cultivo em todas as fases de seu ciclo de vida. Isso possibilita a determinação da capacidade de suporte dos ambientes de cultivo, tais como reservatórios onde são instalados tanques-rede e viveiros.

O laboratório é o primeiro do Caunesp localizado no litoral e possui salas para recepção de amostras, triagens, pesagens e análises. Os levantamentos servirão de base para a Secretaria de Aquicultura e Pesca formular políticas públicas para o setor.

O novo ambiente de 200 m² é o laboratório central da Rede de Pesquisa em Aquicultura Sustentável, formada por 38 pesquisadores de 15 instituições de pesquisa do país. O grupo é coordenado pelo professor do Caunesp Wagner Cotroni Valenti, idealizador do laboratório, que está atualmente sob responsabilidade da professora Alessandra S. Augusto.

Fonte: Unesp