Notícia

Correio Popular (Campinas, SP)

Soneca ajuda aprendizado, indica um novo estudo

Publicado em 05 março 2010

Espanhóis, mexicanos e habitantes de diversos outros países costumam tirar uma boa "siesta" logo após o almoço. Mas o hábito não ajuda apenas a descansar e a fugir do calor do meio do dia. Cochilar também estimula a aprendizagem, segundo indica um novo estudo. A pesquisa, feita por cientistas da Universidade da Califórnia em Berkeley, foi apresentada na reunião anual da American Association of the Advancement of Science (AAAS), em San Diego, nos Estados Unidos. De acordo com o trabalho, uma hora de cochilo durante o dia é capaz de restaurar e até mesmo de ampliar os processos cognitivos. Por outro lado, quanto mais

horas um indivíduo permanecer acordado, mais "preguiçoso" se torna o seu cérebro — perder uma noite de sono derrubaria a capacidade de armazenar novas informações em cerca de 40%.

"O sono não apenas corrige os prejuízos decorrentes de longos períodos de privação do sono, mas, em nível neurocognitivo, leva a aprendizagem para além de onde estava antes da soneca", disse Matthew Walker, um dos autores da pesquisa. Segundo os pesquisadores, os resultados reforçam a hipótese de que o sono é necessário para "limpar" a memória de curto prazo, de modo a liberar espaço para novas informações.

(Agência Fapesp)