Notícia

Portal Exame

Soja transgênica mostra alteração nutricional e bioquímica

Publicado em 18 fevereiro 2014

Por Karina Toledo, da Agência FAPESP
Ao comparar a variedade de soja transgênica mais cultivada no Brasil com um equivalente natural, pesquisadores do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) observaram que as sementes geneticamente modificadas apresentam teores mais elevados e mais biodisponíveis dos micronutrientes cobre e ferro. As análises também indicaram diferença na concentração de proteínas e nos níveis de enzimas antioxidantes, como catalase, superóxido dismutase, ascorbato peroxidase e glutationa redutase. Os resultados foram [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.