Notícia

Estadão.com

Software da USP monitora vazamentos em oleodutos

Publicado em 22 fevereiro 2006

A invenção é capaz de monitorar vazamentos com precisão e a um custo cinco vezes inferior ao dos outros sistemasAgência FAPESP - São PauloCom base em conceitos de inteligência artificial, pesquisadores da Escola de Engenharia de São Carlos (EESC), da Universidade de São Paulo (USP), desenvolveram um software capaz de monitorar vazamentos em oleodutos e gasodutos com elevada precisão e a um custo cinco vezes inferior ao dos sistemas disponíveis no mercado. Os primeiros testes foram realizados em tubulações de água e ar, elementos [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.