Notícia

BOL

Sistema de detecção de animais em rodovias evita acidentes e mortes na estrada

Publicado em 18 agosto 2017

Buscando reduzir o número de atropelamentos de animais silvestres e acidentes em rodovias, a bióloga Fernanda Delborgo Abra desenvolveu um equipamento que detecta animais de grande porte em estradas e avisa os motoristas sobre o perigo na pista.

O sistema funciona com sensores instalados em postes à beira da estrada, que detectam animais a partir de 3 kg, considerados de médio e grande porte. Quando um animal passa pelo sensor, um aviso é enviado a uma placa de mensagem ou um alerta com luz piscante sobre uma placa tradicional.

Junto com as sócias Mariane Rodrigues Biz Silva e Paula Ribeiro Prist, Fernanda criou a empresa ViaFauna para criar o protótipo do "Passa-Bicho", com ajuda de um programa de auxílio à pesquisa da Fapesp (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).

O sistema foi pensado para melhorar a eficiência dos alertas já encontrados nas rodovias, visando reduzir a morte de animais, alguns já ameaçados de extinção, além de proteger a vida dos motoristas e passageiros.

Ainda em desenvolvimento, outra utilização do protótipo criado pelas empreendedoras-pesquisadoras é registrar o número de travessias bem sucedidas dos animais em diferentes épocas do dia ou do ano. "Hoje o pesquisador só sabe quantos animais morreram na rodovia", explicou Fernanda.

Do BOL, em São Paulo

(_Com informações da Agência Fapesp_)