Notícia

Agência C&T (MCTI)

Siicusp promove divulgação e debate sobre iniciação científica

Publicado em 14 novembro 2007

A iniciação cientifica (IC) tem a sua mais importante celebração na USP durante o Simpósio Internacional de Iniciação Cientifica (Siicusp), que acontece neste mês, entre os dias 21 e 29. Segundo a professora Maria Angélica Miglino, da Pró-Reitoria de Pesquisa, a IC é a forma para "ensinar o aluno a pensar sobre pesquisa, propondo soluções para problemas".

O Siicusp é feito em parceria com o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), que atualmente financia 1.224 bolsas de IC na Universidade. Não só os alunos beneficiados pelo CNPq participarão do simpósio: estudantes que recebem bolsas por outras instituições, como a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), Santander, Reitoria, e até os que não recebem bolsa estarão presentes. A idéia é congregar num mesmo espaço todos esses alunos para que eles possam mostrar os resultados de seus trabalhos e debatê-los com os colegas.

Estarão presentes três comitivas de universidades estrangeiras, como a Ohio State University (EUA) e a Universidade do Porto (Portugal), com delegações compostas por alunos e professores que apresentarão trabalhos nos painéis e mesas.

Todos os eventos, palestras e discussões são gratuitos. As apresentações estão divididas nas seguintes áreas: engenharias e exatas, biológicas, agropecuárias e humanas e humanidades. Além de palestras, também há a divulgação dos resultados das pesquisas em banners e painéis. 

Logo do 15º Simpósio Internacional de Iniciação Científica da Universidade de São Paulo


O primeiro passo na Academia

"A iniciação científica exerce um poder de atração muito forte", diz Rafael Duarte Oliveira Venancio, aluno de jornalismo que apresenta trabalho no Siicusp fruto das suas pesquisas na Escola de Comunicações e Artes (ECA) e no Centro de Estudos da Metrópole do Centro Brasileiro de Análise e Planejamento.

Venancio pesquisou a difusão da ciência e da cultura nas linhas do metrô e da Cptm, além de atuar como repórter na revista DiverCidade, publicada pelo centro. Além de apresentar o trabalho no Siicusp, ele lançará na quinta-feira (22), a partir das 19 horas na vivência da ECA, um livro sobre a pesquisa. Venancio também está concorrendo na categoria de melhor artigo de IC na Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação (Intercom).

A idéia que ele desenvolve é a da divulgação da ciência por meio de "um divulgador-divulgando, onde você levas as perguntas da sociedade ao cientista, não faz apenas uma tradução do trabalho dele". Essa exteriorização do trabalho científico toma forma em congressos, como o Siicusp, na publicação de livros e no jornalismo.

O jornalismo é o que move a pesquisa de Venancio. Ele "aproveitou a primeira oportunidade de iniciação científica que surgiu", e hoje já possui projetos para o mestrado e doutorado. "Eu quero ser professor universitário para mudar o jornalismo, incentivar a pesquisa na área de ciências sociais aplicadas".


Serviço

A programação completa do Siicusp pode ser vista no site www.usp.br/siicusp