Notícia

Central das Notícias

Será que remédios para baixar o colesterol podem ajudar na covid-19?

Publicado em 06 agosto 2020

Por Lúcia Helena

Não sei se faz ideia, mas um bocado de brasileiros adultos têm taxas de colesterol acima do que os manteriam longe do risco de um problema cardiovascular. Segundo o EPICO — o Estudo Epidemiológico de Informações da Comunidade, realizado pela Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo, a SOCESP —, entre 9 mil homens e mulheres tratados em unidades básicas de saúde de 32 cidades paulistas, apenas 16% estavam com os valores dessa substância no sangue dentro da meta.

Cá entre nós, outros trabalhos realizados pelo Brasil afora já apontavam algo por aí — em geral, somente de 16% a 18% das pessoas têm o seu colesterol sob controle e esse parece ser, de longe, o fator de risco em que menos ficam de olho. Uma minoria dá bola.

Há alguns caminhos para manter a situação do colesterol sob rédeas firmes. Praticar atividade física é um deles seguramente. Fechar a boca para o excesso de gordura saturada e açúcar no prato é outro. Manter um peso adequado também é importante. Mas, apesar dessas e de outras medidas ajustando o estilo de vida, engolir remédios para baixar o colesterol é — ou deveria ser, se todos se cuidassem — inevitável em muitos casos. E agora surge mais um bom motivo para seguir a prescrição: as estatinas, medicamentos indicados para quem tem colesterol elevado, podem ajudar no tratamento da covid-19.

"Ninguém está falando que elas previnam, muito menos que curem a doença. Mas são uma opção tratamento suplementar, que melhora as condições de saúde de quem foi infectado", esclarece a cardiologista Maria Cristina Izar, diretora de Promoção e Pesquisa da SOCESP e professora da Universidade Federal de São Paulo. Logo, as estatinas aumentam as chances de alguém sobreviver ao Sars-Cov 2 e não ter sequelas.

A professora Maria Cristina menciona um trabalho realizado na China, na Universidade de Wuhan, com 13.981 indivíduos internados por causa da infecção pelo novo coronavírus. Entre os que usavam estatinas — tanto sozinhas quanto junto com remédios para diminuir a pressão arterial —, os autores observaram depois de um acompanhamento de 28 dias um número 19% menor de mortes e uma menor necessidade de ventilação mecânica também.

No passado, alguns trabalhos já tinham sugerido que pacientes medicados com estatinas e que foram hospitalizados em função de gripes e pneumonias corriam menor risco de problemas cardiovasculares, fatais ou não. Ou seja, já havia uma pista para os pesquisadores chineses levantarem essa hipótese. E eles não estão sozinhos: outros trabalhos pelo mundo afora, só que menores, apontam na mesma direção.

Por que tomar estatinas pode ajudar

"Só de ouvir o nome estatina, todo mundo já lembra de sua ação de diminuir o colesterol, que é mesmo a principal delas", observa a cardiologista. "No entanto, existem diversos outros efeitos, o que nós, médicos, chamamos de pleiotropia", diz ela, arriscando a expressão de origem grega que, traduzindo, significaria algo como "muitas mudanças". É termo usado na área da saúde quando, ao mexer em um único gene, receptor ou substância no organismo, você acaba desencadeando uma série de coisas. É bem o caso aqui.

"As estatinas evitam a agregação de plaquetas, moléculas que, quando se juntam, formam os coágulos. Embora eu não vá dispensar outros medicamentos mais efetivos nisso, se notar que um paciente vai precisar, elas têm esse resultado, sim", começa a enumerar a médica. "Por consequência, também são antitrombóticas, ou seja, dificultam o aparecimento de trombos. Têm ainda uma ação antiinflamatória considerável. Podem dilatar ligeiramente os vasos, favorecendo a passagem do sangue. Mas, acima de tudo, melhoram a função do endotélio e isso parece ser peça-chave em toda essa história."

O endotélio é o revestimento interno de absolutamente todos os nossos vasos sanguíneos — uma camada delicadíssima, da espessura de uma única célula. E o que o novo coronavírus faz com ela é covardia: ele provoca uma endotelite generalizada. Ou seja, inflama todo esse tecido. Isso não pode dar em boa coisa. E não dá mesmo. Contornar a situação é um dos maiores perrengues dos médicos na linha de frente. Um dos… Tem mais.

O Sars-CoV 2 , para completar seus estragos, aumenta a coagulação dentro de veias e artérias. "Um trabalho brasileiro recente, publicado pela Fapesp, examinando a boca de indivíduos infectados, mostra os vasos sublinguais tomados por minúsculos coágulos ou trombos", diz a professora.

Agora, imagine o mesmo fenômeno podendo acontecer da cabeça aos pés e pense no risco de, em uma dessas, o cérebro sofrer um AVC, o coração infartar ou até mesmo um desses trombos ir parar nos pulmões, atrapalhando de vez o seu trabalho. Isso é o que acontece de um lado.

De outro lado, temos remédios que justamente evitam a inflamação intensa dos vasos e previnem os famigerados trombos. "Pela somatória dessas ações, parece plausível, então, que as estatinas ajudem os doentes a enfrentarem a covid-19 em melhores condições", diz a cardiologista. Faz mesmo sentido.

E outra vantagem, já observada por cientistas, é que o uso combinado de estatinas e de medicamentos prescritos para o controle da pressão não promove um aumento da mortalidade ou de efeitos indesejáveis em pacientes com covid-19.

Além disso, a diminuição do colesterol pode ser interessante sempre. Ainda mais quando se está acamado em uma UTI. Ora, se podem surgir trombos pelo caminho da circulação, pior será se ele estiver estreitado por causa de placas pelos vasos. Sem contar que o colesterol tende a estacionar nas paredes dos vasos quando há muitas substâncias inflamatórias correndo soltas — inflamação exagerada no corpo e colesterol dando bobeira é placa na certa.

A redução do colesterol

Vamos deixar claro: o colesterol, em si, é uma substância importantíssima para o organismo. Ele faz parte de todas as membranas e das organelas no interior das células. Sem ele, não aconteceria a síntese de hormônios sexuais. Nem teríamos a badalada vitamina D, para ficar em alguns exemplos. "'É tão importante que alguns órgãos se garantem e produzem a sua própria cota de colesterol", conta Maria Cristina Izar. "O cérebro faz isso, as gônadas também. O fígado, então, nem se fala: é o nosso maior produtor de colesterol."

O problema é quando essa molécula fica sobrando no sangue e não é removida. Aí tem enorme probabilidade de se depositar, formando as temidas placas. "Atenção: muitas vezes, se o indivíduo tem outros problemas de saúde, como diabetes, ele nem precisa ter taxas tão elevadas para correr esse risco, porque é como se essa doença potencializasse a capacidade de o colesterol se depositar nas paredes das artérias", ensina Maria Cristina.

De modo geral, o que uma estatina faz, então, é bloquear a síntese de colesterol nas células, como as do fígado, suas grandes fabricantes.Daí, em uma espécie de reação, os receptores nas superfícies celulares passam a captar mais colesterol do sangue e ele vai caindo na circulação. E, importante, sem o perigo de faltar em nenhum tecido onde é essencial — por mais que despenque na corrente sanguínea, não falta às células, especialmente às dos órgãos vitais que dão um jeito de produzi-lo.

A redução do colesterol no sangue não apenas impede o aparecimento de novas placas — ou ateromas, como dizem os médicos — e o crescimento das já existentes. "Muitas vezes, elas diminuem de tamanho e de volume, como podemos ver por meio de exames em que o catéter, passeando pelos vasos, carregam uma ponteira com ultrassom, o que nos possibilita fazer uma série de medições das placas em seu interior", diz a cardiologista. "Quando isso acontece, é como se o tempo andasse para trás dentro das artérias."

Regressões assim são notadas quando os médicos indicam estatinas mais potentes, nem sempre necessárias para todos os pacientes. "O fato é que a redução de milímetro na placa já é acompanhada, clinicamente, de uma diminuição de mortes, de infartos, de AVCs com sequelas, até mesmo de crises de angina", conta a médica. Para você ter uma noção, uma redução de cerca de 40 miligramas de colesterol por decilitro de sangue já corta em 22% a probabilidade desses eventos nada agradáveis.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Estadão.com Folha.com UOL GloboNews Folha de S. Paulo Portal Exame O Globo online UOL Agência Brasil IstoÉ online IstoÉ Dinheiro online BOL Yahoo! UOL Rádio Bandeirantes 820 AM (Goiânia) Terra Portal do Governo do Estado de São Paulo O Tempo (Contagem, MG) online Super Notícia 91,7 FM O Tempo online APM- Associação Paulista de Medicina SP Agora Notícias de Campinas Mix Vale Head Topics (Brasil) Forte na Notícia Bahia.ba Jornal Ação Popular MSN Jornal da Ciência online Canabrava 104.9 FM Folha Diferenciada Bruno Sampaio Blog Coluna Supinando Atemporal Portal da Enfermagem Diário do Sudoeste (Pato Branco, PR) online Revista Amazônia Câmara Municipal de São Paulo Recôncavo no Ar O Popular (Piracicaba, SP) online Planeta online G7 News ABRAFI - Associação Brasileira das Mantenedoras das Faculdades Galileu online EdsonVidigal.com Combate Racismo Ambiental Jornal do Tocantins online Metropóles Câmara Municipal de São Paulo Niterói e Região Super Notícia 91,7 FM O Tempo (Contagem, MG) online O Tempo online Canabrava 104.9 FM O Nortão online SolidáRio Notícias Blog Jornal da Mulher Portal Neo Mondo Tabocas Notícias Imprensa Pública Saber Atualizado Folha do Norte do MS Tudo Rondônia Rio Grande TEM Diário de Pernambuco online Jornal do Lar Liberdades Administradores Jornal Sempre Nova Lima Gazeta Web Diário MS News Matéria Pública Novoeste ClickNews Camocim Imparcial Brasil Soberano e Livre Portal CN1 A Imprensa Online A Redação (Goiânia, GO) Jornal Itaqui-Bacanga Portal do Holanda MidiaMax CBN Notícias (Recife, PE) Tarobá News A Província do Pará Grupo Sepé Folha Vitória online Jornal Floripa Poliarquia Portal de Notícias Portal Agora no RS Portal Lapada Lapada Atmosfera online CGN Portal Banda B O Sul online O Fluminense online Jornal de Piracicaba O Documento online Novo Cantu Notícias O Bom da Notícia Mix Vale A Crítica (MS) online O Liberal (PA) online Dinheiro Rural online Sistema Costa Norte de Comunicação FA Notícias Tribuna de Minas online Cenário MT O Rolo Notícias Agência BR Comando Notícia Planeta Osasco Portal Mato Grosso Bruno Sampaio Blog O Mato Grosso Jornal Diário do Cotidiano Gazeta de Piracicaba Época Negócios online TV Brasil Veja São Paulo online A Cidade On (São Carlos, SP) Folha Nobre Diário Corumbaense online Ururau 2A+ Farma Diário dos Campos (PR) online Acessa.com Jornal Roraima Hoje Rondônia Dinâmica Melhor Notícia Entrevista News Fonte 83 Folha do Noroeste Brasília Agora Ata News Bonde Primeira Hora Seu Jornal Sindireceita - Sindicato Nacional dos Analistas-Tributários da Receita Federal do Brasil Movimento Online Expresso MT Tribuna do Cricaré online F5 News O Dia Mais Diário de Quixadá Aqui Notícias online Rondônia Vip Infonet Âncora News Agência da Notícia MSN ID News Acorda Cidade Jornal Folha da Terra (Itupeva, SP) online Dom Total Portal GRNews Blog do Walison Boqnews A Tribuna News (Campo Grande, MS) online Bananal Online De Fato Rondônia Blog Waldiney Passos ESHOJE (Vitória, ES) Melody FM 94.1 Correio do Brasil online Portal 24h Jornal Folha de Videira online Jornal Dia Dia 106.7 FM (Ribeirão Preto, SP) Correio da Cidade (Santo Estêvão, BA) JC Notícias (São Paulo, SP) Primeira Edição Manhuaçu News Lauro de Freitas Informa Portal Amirt Rádio Piratininga 750 AM Sindessmat - Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Estado de Mato Grosso CNN (Brasil) A Crítica (AM) Tribuna (Ribeirão Preto, SP) MT HOJE Tribuna (Ribeirão Preto, SP) online TV Jornal A Gazeta do Amapá Blog Ultimas Noticias Clube FM 100.5 Diário do Planalto (Canoinhas, SC) online O Presente online Portal de Finanças Revista Tipo Manaus Eu, Rio EniNews Circuito D Portal de Camaquã Blog Marina Alves Castro MSN Catraca Livre Blog Clara Melo Pinto Paulopes Correio do Estado da Bahia (Blog) Diário Regional (Juiz de Fora, MG) online Show Diário Campos 24 horas Acesse Notícias JMais Rádio Gazeta AM 1.260 KHz (Maceió, Alagoas) Conexão PB Nosso Goiás Portal Ibaiti Gazeta Brasil TV Hortolândia Jornal Página do Estado Diário do Sertão Esporte na Rede MT Portal MT ISN Portal Pelo Mundo DF Verguia Referência Brasil Cristiano Lima Toque de Alerta Folha do Cerrado online César Santana RN Hoje Juína News Luz e Alegria AM 1160 e FM 95.9 Valeseuclick.com Edna Soares M1NewsTV Jornal Diário Brasil em Folhas online TV Aberta Acontece Louveira Rádio Espaço Livre 720 AM Folha de Vilhena online Boom na Mídia Portal Projeta Portal Alô News Jornal Positivo Revista Consulta Online Jornal Semanário Portal Saúde no Ar D'Ponta Web News Médio Norte Notícias Goiás em Tempo Metrópole MS Blog de Isabella Barros Martins Folha Regional MS online Jornal Primeira Página online Dourados Agora Jornal de Piracicaba Jaciara News Refugo Diário do Estado (Goiás, GO) online Extra (Colômbia) Destaque News NewsBeezer TáNaMídia Naviraí Jornal Folha da Terra Metro Jornal online Secretaria da Educação do Estado de São Paulo Folha de Itapetininga O Sul Folha Vitória online National Geographic Brasil online Panorama Farmacêutico Portal Marcos Santos Valter Vieira Cassilândia Urgente O Fato Maringá Instituto Lado a Lado pela Vida Ponto de Vista com Nelson Freire