Notícia

Portal Hospitais Brasil

Scientific Reports publica dissertação da Pós-Graduação em Anestesiologia da FMB/Unesp

Publicado em 17 agosto 2017

O Scientific Reports, periódico do grupo Nature, publicou recentemente uma dissertação de mestrado (Perioperative and anesthesia-related cardiac arrests in geriatric patients: a systematic review using meta-regression analysis) desenvolvida por pesquisadores da Faculdade de Medicina de Botucatu/Unesp (FMB).

O estudo foi realizado pela pós-graduanda Karen S. Braghiroli, sob orientação do professor Leandro Gobbo Braz, chefe do Departamento de Anestesiologia, e assinado pelos coautores José Reinaldo Cerqueira Braz (professor emérito da FMB), Bruna Rocha (discente da FMB), Regina El Dib (docente da FMB), José Eduardo Corrente (colaborador do Escritório de Apoio à Pesquisa da FMB) e Mariana Gobbo Braz (docente da FMB).

“A importância deste trabalho reside no fato de que os procedimentos anestésico-cirúrgicos em pacientes geriátricos estão aumentando no decorrer dos anos devido ao aumento da sobrevida global, em virtude das inovações tecnológicas e a maior difusão de conhecimentos médicos sobre como lidar com esse tipo de paciente, que possui características tão peculiares. Dessa forma, esta pesquisa inédita pode servir como alerta à comunidade científica e aos gestores de saúde pública sobre a necessidade de discutir os aspectos de segurança nos procedimentos anestésico-cirúrgicos em pacientes geriátricos”, destaca professor Leandro G. Braz.

A dissertação publicada, financiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), é fruto do trabalho do grupo de pesquisa denominado “Estudo epidemiológico de parada cardíaca e mortalidade na anestesia e cirurgia”, liderado pelo professor Leandro Gobbo Braz, e cadastrado no Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) desde 2011.

O grupo realiza estudos de epidemiologia de parada cardíaca e/ou mortalidade perioperatória (todo o período da cirurgia, incluindo antes e após a cirurgia em si) nos pacientes, englobando todas as faixas etárias, e estudos exclusivos de pacientes pediátricos, geriátricos e àqueles que sofreram trauma. Os pesquisadores promoveram ainda revisões sistemáticas com metanálise e análise de metarregressão.