Notícia

A Folha (São Carlos, SP)

São Paulo no milênio do conhecimento Consórcios Setoriais Para Inovação Tecnológica

Publicado em 05 janeiro 2001

Governo do Estado de São Paulo e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo anunciam marcos e novas metas na pesquisa científica, e tecnológica ConSITec — Consórcios Setoriais Para Inovação Tecnológica A crescente demanda por financiamentos de projetos nos programas Parceria para Inovação Tecnológica e Inovação Tecnológica em Pequenas Empresas, criados respectivamente em 1994 e 1997, levou à criação do programa Consórcios Setoriais para Inovação Tecnológica, ConSITec -uma iniciativa da FAPESP que propicia maior interação, mais abrangente e sustentável, por prazos maiores, entre os setores acadêmico e empresarial para resolver problemas tecnológicos gerados nas empresas. Os consórcios são associações entre a FAPESP, equipes de pesquisa e conglomerados de empresas. Os projetos aprovados no ConSITec poderão dispor de um sistema duplo de financiamento: auxílios para a implantação e modernização da infra-estrutura de laboratórios de grupos instalados em instituições de pesquisa e auxílios solicitados individualmente por pesquisadores desses grupos. A participação da Fundação consiste no apoio à formação do consórcio, que exige a participação de pelo menos três empresas por, no mínimo, três anos. Em termos financeiros, o apoio da FAPESP não poderá superar 50% dos investimentos requeridos, dentro de um limite anual de 200 mil reais por projeto. As atividades do consórcio serão avaliadas pela qualidade e pelo número de resultados gerados. O financiamento poderá ser estendido por um período adicional de três anos e o consórcio deve se tornar auto-suficiente após este período de seis anos.