Notícia

São Carlos em Rede

São Carlos sediará Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria

Publicado em 30 julho 2012

Por Redação

Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC), da USP São Carlos, será a sede do Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão do Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CEPID-CeMEAI). A proposta foi submetida à Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) em 2011 pelo Prof. Dr. José Alberto Cuminato, docente do Departamento de Matemática Aplicada e Estatística do ICMC.

Além de Cuminato, Diretor do CEPID-CeMEAI, outros dois docentes do ICMC integram a coordenação do Centro: no cargo de Coordenador de Educação e Difusão do Conhecimento está o Prof. Dr. José Carlos Maldonado, do Departamento de Sistemas de Computação; e na função de Coordenador de Transferência de Tecnologia, o Prof. Dr. Francisco Louzada Neto, do Departamento de Matemática Aplicada e Estatística.

Com foco nas atividades de pesquisa, inovação e difusão, o CEPID-CeMEAI contará com investimentos na ordem de 17 milhões de reais no decorrer dos cinco anos de duração do projeto. Após esse prazo, o CEPID pode ser renovado por mais dois períodos de três anos cada. As atividades serão desenvolvidas nas áreas de Otimização Aplicada e Pesquisa Operacional, Mecânica de Fluídos Computacional, Avaliação de Risco, Inteligência Computacional e Engenharia de Software.

Além do ICMC, o CEPID-CeMEAI conta com outras cinco instituições associadas: o Centro de Ciências Exatas e Tecnologia da Universidade Federal de São Carlos (CCET-UFSCar); o Instituto de Matemática Estatística e Computação Científica da Universidade Estadual de Campinas (IMECC-UNICAMP); Instituto de Biociências Letras e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (IBILCE-UNESP); a Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista (FCT-UNESP); o Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE); e Instituto de Matemática e Estatística da Universidade de São Paulo (IME-USP).

Sobre os CEPID

Os primeiros CEPIDs foram criados pela FAPESP em 2000, com o objetivo de estabelecer um novo paradigma para a organização da pesquisa científica. Os Centros desenvolvem pesquisas na fronteira do conhecimento e, ao mesmo tempo, realizam a transferência dos seus resultados para diferentes níveis do governo, de forma a subsidiar políticas públicas; para o setor privado, na forma de novas tecnologias; e para estudantes e professores do ensino médio, por meio de cursos de extensão, graduação e pós-graduação.

Na base de suas atividades, um CEPID tem como missão central ao longo da sua existência constituir um Centro de Classe Mundial em Pesquisa no foco de seu interesse.