Notícia

Jornal Folha da Terra (Itupeva, SP) online

Revisão do Plano Estadual de Resíduos Sólidos é tema de encontro online

Publicado em 29 julho 2020

O Comitê de Integração de Resíduos Sólidos (CIRS) da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente (SIMA) realizou, em 21 de julho, sua 4ª reunião ordinária, que trouxe a revisão do Plano Estadual de Resíduos Sólidos como um dos temas principais da pauta.

O evento contou com a participação do secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente, Marcos Penido, do secretário-executivo, Luiz Ricardo Santoro, dos subsecretários Gláucio Attorre Penna (Infraestrutura) e Eduardo Trani (Meio Ambiente), do Grupo Gestor composto por José Valverde, Ivan Mello e José Ronal, além dos membros titulares e suplentes do CIRS.

Durante o encontro, foram apresentadas sínteses dos trabalhos coordenados pelo Grupo Gestor do Comitê e relatórios dos Grupos de Trabalho (GTs). “A macro agenda do Estado de São Paulo abarca os principais eixos da gestão dos resíduos sólidos”, salientou o coordenador-executivo do CIRS, José Valverde, ao comentar o andamento dos trabalhos junto a consórcios e entidades de resíduos sólidos.

Ele usou como exemplo um projeto-piloto em desenvolvimento no Programa Vale do Futuro e um protocolo assinado com a Associação Nacional dos Catadores (Ancat).

Logística reversa

Assessora técnica da Cetesb, Lia Helena Demange apresentou as ações de logística reversa durante a pandemia de COVID-19 e as medidas tomadas nas garantias dos serviços e da saúde dos integrantes da cadeia da reciclagem. Ela pontuou ainda a importância da realização do webinar “Sigor Reciclagem e Ação Social”.

Mesmo com a suspensão temporária de alguns serviços para preservar a saúde de suas equipes, o trabalho de fiscalização da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) será retomado em plenitude no mês de agosto.

A diretora de Controle de Licenciamento Ambiental, Zuleica Lisboa, informou que, dos 390 aterros sanitários no estado, apenas 28 se encontram inadequados e está em discussão na Companhia o projeto Aterro 4.0, que busca um salto de qualidade com avanço de tecnologias que ampliem a vida útil dos aterros.

Também no quesito tecnologia, o coordenador de Óleo, Gás e Biocombustíveis da SIMA, Ricardo Cantarani e a superintendente de Pesquisa e Inovação da Sabesp, Cristina Zuffo, apresentaram ações de parcerias com a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) para o desenvolvimento de novas tecnologias e citaram exemplos nos trabalhos do Novo Rio Pinheiros e no contrato do tratamento de resíduos sólidos urbanos em Diadema.

Educação ambiental

A série de quatro encontros virtuais para discutir e mapear ações de educação ambiental e comunicação focadas na gestão e gerenciamento de resíduos sólidos foi um dos temas abordados pela coordenadora de Educação Ambiental da SIMA, Malu Freire.

“O objetivo é ressignificar os resíduos sólidos na educação ambiental. Em ações conjuntas com o CIRS e do RGov já conseguimos mudar diretrizes no Palácio dos Bandeirantes com a economia de milhares de copos plásticos. Também estamos desenvolvendo ações de extrema importância junto aos alunos e lideranças da comunidade do território do Novo Rio Pinheiros, buscando conscientizar que os resíduos podem gerar valor e contribuir para a família e o desenvolvimento”, disse.

Na apresentação do andamento dos trabalhos de revisão do Plano Estadual de Resíduos Sólidos, o coordenador da Coordenadoria de Planejamento Ambiental (CPLA), Gil Scatena, ilustrou a evolução do plano desde 2014 com a mudança na gestão.

“A regionalização e as novas rotas tecnológicas estão no foco da revisão do plano 2020 que possui 48 metas intersetoriais, sendo 18 delas orientadoras. O plano traz com ineditismo os capítulos dedicados ao combate ao lixo no mar e a economia circular”, destacou, ao apresentar os próximos passos.

Atendimento online

Ainda na pauta da reunião, o membro do Grupo Gestor do CIRS Ivan Mello destacou o cumprimento de metas e os altos índices de atendimento online que estão dando nova dinâmica às atividades do Comitê.

No fim do evento, o secretário Marcos Penido agradeceu e elogiou a sinergia entre os setores. “A gente vê a interface de todas as áreas. Estamos no caminho certo de um trabalho conjunto”, afirmou, antes de apresentar o cronograma de atividades do grupo e anunciar para o dia 21 de agosto a realização da Audiência Pública do Plano de Resíduos Sólidos, um novo avanço nas políticas públicas de saneamento e gestão de resíduos.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Notícias de Campinas Mix Vale Portal do Governo do Estado de São Paulo