Notícia

JC e-mail

Reunião Regional da SBPC na Unicamp?

Publicado em 29 agosto 2003

A Unicamp vê com interesse a idéia de sediar uma reunião regional da SBPC dedicada a professores do ensino fundamental e médio. Isso ficou claro durante a estimulante visita do presidente da SBPC, Ennio Candotti, à Unicamp, em 21/8, a convite do reitor Carlos Henrique de Brito Cruz. Brito confirmou ao JC que a Unicamp tem interesse, sim, em realizar uma reunião regional dentro da serie que a SBPC está projetando para todo o país. Ele ficou de examinar a possibilidade em detalhes, aproveitando o pessoal especializado e os programas pertinentes da Unicamp. Para o reitor, há muitas formas de incrementar a colaboração Unicamp-SBPC, um dos temas de suas conversas com Candotti. Entre elas, está a realização de workshops multidisciplinares sobre temas de grande atualidade. Brito e Candotti chegaram a esboçar idéias concretas a respeito, como a discussão das experiências já acumuladas pela Unicamp sobre a criação de empresas de base tecnológica, e a participação mais intensa do Brasil na preparação de recursos humanos especializados nos países africanos de língua portuguesa, que ampliaria a presença do Brasil na África. SBPC e unicamp também podem juntar esforços para avaliar o impacto da reforma tributária na área de C&T, em particular no que diz respeito ao principio da vinculação orçamentária, base do fomento à C&T nos estados. Esse princípio, lavrado na Constituição de 88. está ameaçado de extinção, segundo os acordos já feitos sobre os rumos da reforma tributária. Como impedir essa perda? Eis um desafio a toda comunidade científica e acadêmica do país. Tudo indica que as conversas - vistas como oportunas e estimulantes - entre Candotti, Brito e outros diretores da Unicamp podem gerar bons frutos de cooperação e ações comuns. Em sua visita à Unicamp, o presidente aa SBPC foi recepcionado não se pelo reitor Carlos Henrique de Brito Cruz, mas também pelo vice-reitor José Tadeu Jorge, pelos professores Paulo Eduardo Moreira B. da Silva (PRDU), Rubens Maciel Filho (PRE) e Fernando Costa (PRP) e pelo diretor-executivo da Inovacamp, Alberto Duque Portugal. Candotti teve ainda oportunidade de falar com diretores de unidades, coordenadores de Núcleos e Centros de Pesquisa, na Sala do Conselho Universitário. A tarde, Candotti visitou as instalações da Alellyx, empresa de genômica dirigida por Paulo Arruda. Depois, foi recebido por Hugo Fragnito para conhecer o Centro de Óptica e Fotônica no Instituto de Física "Gleb Wata-ghin". Por fim, percorreu o Arquivo Edgar Leuenroth, no Instituto de Filosofia e Ciências Humanas, recepcionado pelo prof. Rubem Murilo. (Com dados do Portal da Unicamp. de 22/8) ALBERTO CARVALHO DA SILVA: MEMÓRIA O Instituto de Estudos Avançados (IEA/USP) prestará homenagem a Alberto Carvalho da Silva, no dia 3 de outubro. Ele se projetou na área de Fisiologia e da política científica, como um dos fundadores e ex-presidente da Fundação de Amparo à Pesquisa de SP (Fapesp). Falecido em junho de 2002, aos 85 anos, foi professor emérito da USP, presidente de honra da SBPC e professor honorário do IEA desde 1994, onde desempenhou intensa atividade até o fim de 2001, quando sua saúde começou a debilitar-se. Como parte da homenagem, o Auditório do IEA ganhará o nome de Alberto Carvalho da Silva.