Notícia

Sociedade Brasileira de Computação

Região tem menor taxa de mortalidade infantil do Estado

Publicado em 10 agosto 2007

A região administrativa de Campinas, composta por 42 cidades, tem a menor taxa de mortalidade infantil do Estado de São Paulo. No ano passado esse indicador ficou em 10,2 mortes por cada grupo de mil habitantes. Este é o menor índice alcançado pela região e representa uma queda de 31% na comparação com a taxa registrada em 2000. Esse índice, um dos mais importantes da área de saúde pública, vem registrando quedas sucessivas desde 2000 e a meta é reduzir ainda mais as mortes de recém-nascidos. "Esperamos que no ano que vem essa taxa seja de apenas um dígito. Aí estaremos no mesmo padrão que os países europeus" , informtou o diretor do Distrito Regional de Saúde (DRS) 7, Mauro Sizer. Expansão do saneamento básico, melhoria da assistência às gestantes e aos recém-nascidos e vacinação em massa pelo Sistema Único de Saúde (SUS) são os principais motivos para a queda da taxa. Para o diretor do DRS 7, essa queda se deve basicamente às melhorias realizadas nos últimos anos no saneamento básico e os investimentos em saúde da família.

Jovem embaixador vai até amanhã

Termina amanhã o prazo das inscrições para o Programa Jovens Embaixadores 2008. O programa é uma iniciativa de responsabilidade social da Embaixada dos Estados Unidos, em parceria com instituições públicas e privadas, e oferece aos jovens estudantes da rede pública de ensino a oportunidade de viajar aos Estados Unidos para aprimorar o inglês e participar de um intercâmbio cultural com tudo pago. Na edição 2008, os jovens embaixadores selecionados serão encaminhados para estágios em empresas parceiras do projeto após regressarem do período de intercâmbio. Em Campinas, as inscrições podem ser feitas no Centro Cultural Brasil-Estados Unidos, unidade Cambuí (Julio de Mesquita, 606).

Meningite faz nova vítima

A Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa) de Campinas confirmou mais um caso de meningite meningocócica com meningococcemia na Vila Esperança, região norte de Campinas. Trata-se de uma criança de 10 anos, que está internada no Hospital de Clínicas da Unicamp e passa bem. Com este, o surto da doença naquela área soma nove casos confirmados, em pessoas entre 2 e 30 anos. Três continuam internados e os demais já receberam alta. A menina recebeu vacina contra o sorogrupo C de meningite sábado, na ação de imunização promovida pela Secretaria de Saúde. A médica da Covisa, Naoko Silveira, diz que, mesmo com a imunização, eram esperados novos casos da doença, porque a vacina leva 15 dias para fazer efeito.

Vogt assume a Pasta da Saúde

O ex- reitor da Unicamp, Carlos Vogt, foi nomeado ontem, pelo governador José Serra (PSDB), o novo secretário de Estado do Ensino Superior. Ele substitui José Aristodemo Pinotti, que alegou motivos "estritamente pessoais" para deixar a Pasta e reassumirá o mandato como deputado federal pelo PMDB. Vogt ocupava a presidência da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). O pedido de demissão de Pinotti ocorreu depois de dois meses da invasão da reitoria na Unicamp e três meses da invasão da reitoria da Universidade de São Paulo (USP). Embora o ex-secretário tenha informado que deixa a pasta por questões particulares, cumpre o que afirmara em junho, durante as desgastantes invasões das reitorias.