Notícia

Agência USP de Inovação

Projeto MOVER apresenta empresas para banca avaliadora na SciBiz

Publicado em 19 novembro 2020

Por mariana arrudas

Durante a exibição de quarta-feira da SciBiz foram apresentadas 11 empresas com projetos inovadores

Por Giovanna Kim e Mariana Arrudas

Ontem, durante a SciBiz, foi apresentado o Projeto MOVER. Coordenado e realizado pela AUSPIN, a pedido do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) em parceria com o CNPq foi liderado pela Prof.ª Dr.ª Geciane Porto, o Movimento Empreendedor Revolucionário teve início em março e meses depois mostrou seus resultados na maior conferência de ciência e negócios da América Latina.

A missão do MOVER é apoiar novas empresas de estudantes universitários. No total, foram 13 projetos selecionados, e ontem o resultado de 11 projetos finalizados foram avaliados por uma banca no painel da SciBiz. Destes finalizados, cinco já se encontram incubados atualmente.

Uma empresa incubada é uma empresa que está em um ambiente criado para apoiar a vinda de uma ideia ou de um protótipo que está minimamente arquitetado. Na USP existem quatro incubadoras sendo elas: Supera PARQUE, CIETEC, Habits e ESALQTec. Clique nos links para saber o que é uma Incubadora e o que é uma Startup.

Apresentação dos Pitches

Foram apresentadas 11 empresas, que trazem as soluções mais diversas para enfrentar os desafios da sociedade. Os pitches foram gravados, e depois os sócio-fundadores responderam à perguntas ao vivo. Confira abaixo a lista das empresas:

5KS – estratégia ambiental

A empresa foi criada em 2010 e utiliza a sustentabilidade e consciência ambiental como uma estratégia de negócios. Oferece soluções voltadas à gestão de sustentabilidade, e atua nos setores de serviços em geral, agrobusiness e turismo.

Seu foco é proporcionar uma melhoria no meio ambiente, criando valor ao negócio. Atualmente busca atuação na metrópole paulistana e conta com os apoios do Projeto MOVER, USP, Dreamshaper e MCTIC.

DWH – tecnologia digital no meio hospitalar

Nasceu com o propósito de trazer melhor logística hospitalar, com um sistema de monitorização e geolocalização dos pacientes, em uma plataforma que permitisse acesso imediato aos dados de cada paciente, focado em pessoas que estão em quadros graves.

Está em desenvolvimento de um projeto piloto no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP), e quer ser expandido para todo o hospital. O projeto foi aprovado pelo PIPE FAPESP Fase 1 em 2019, e contou também com o apoio do MOVER, Citic e estão incubados no Inova HC.

GAIA – robótica educacional e acessível

A GAIA acredita que a educação e a tecnologia são chaves para o futuro. Ensinando robótica para crianças com baixa renda, a empresa segue a política de low-cost high-quality, que busca entregar uma alta qualidade de ensino através de uma produção de baixo custo. Seu foco principal é o ensino da rede pública e quer passar uma mensagem de “mão na massa”, protagonismo e muito incentivo para os seus alunos.

Gift Me – uma rede de artesãos

Surgiu a partir da alta produção de artesanato no Brasil e a falta de serviços de venda específicas para esse tipo de produto. Está em desenvolvimento de aplicativo Market Place e visa uma venda de artesanatos do público geral, utilizando filtros que regulam a escolha de produtos e fornecem opções de customização ao cliente.

Também fornece cursos aos artesãos para otimização dos produtos, fotografia deles e conhecimento em marketing. A ideia é criar uma rede de artesanato para assim deixar o cliente mais próximo ao artesão. E agora, a equipe fundadora busca investimentos.

GOIN – Governo Inteligente

A GOIN oferece soluções para otimizar o governo e as políticas públicas. A plataforma SaaS (Software as Service) traz elaboração de diagnósticos para identificar oportunidades de melhorias e uma análise de indicadores de políticas públicas. Seu diferencial é trazer uma visão sistêmica para os municípios.

Contou com o apoio da Startup SP, NEU, AUSPIN e MCTIC. Atualmente está incubada no Cietec e procura investidores anjo para seguir com o projeto.

Me Helpa! – ajuda de todos os tipos

A plataforma é uma rede de compartilhamento de ajuda, onde há fornecimento e procura de serviços gerais, desde arrumar um eletrodoméstico até estudar para uma prova, sem custo ou cobrança monetária. O projeto se iniciou em 2019, no HackaTruck Maker Space, parceria da IBM com a USP, passou pelo Projeto MOVER, Dreamshaper, Programa Santander Empreendedorismo e atualmente está pré-incubada na Habits.

SagaPro – EdTech de bem-estar escolar

Também iniciada no HackaTruck Maker Space, a SagaPro é um sistema de interação digital entre professor e aluno. A interface utiliza Inteligência Artificial, e conta com um mapa de clima emocional, atividades de empatia, murais da emoção e gratidão. Suas narrativas gamificadas mostram um acompanhamento Business to Business (B2B) para melhorar a comunicação entre os alunos e as escolas e tentar diminuir casos de bullying e exclusão que os alunos podem passar. Atualmente está incubado no Cietec.

SER – Science, Education, Research

A SER é uma plataforma de ensino 100% online, e conta com plano de assinaturas e cursos avulsos para preparação de professores. O grupo é focado em profissionais de licenciatura e tem como missão levar a educação para a vida das pessoas. Atualmente está incubada na Habits e mentorado pelo SEBRAE, em uma rede que auxilia os diversos setores que envolvem o produto.

StatPharma – Estatística na farmácia

É um software de estatística para a indústria farmacêutica com uma interface amigável e didática, que não quer apenas otimizar os processos estatísticos, mas também mostrar como são feitos. Ele traz resultados rápidos, fáceis e educativos e busca uma maior eficiência através de big data. Atualmente, estão incubados no Inova HC.

Visualize – Dados para bares e restaurantes

O Serviços SaaS e B2B visa o aumento da vantagem competitiva dos restaurantes através de otimização de processos. Possui um checklist e indicadores de dados para controlar a produção e melhorar os serviços internos dos consumidores do serviço. Foram apoiados pela AUSPIN, Projeto Mover e pelo Dreamshaper.

WTRAVELNET – Mulheres viajando com segurança

A rede de apoio para viagens e turismo é destinada ao aumento de segurança das mulheres. Por meio de um aplicativo interativo, é um lugar para achar preços acessíveis e ter experiências únicas em segurança, uma vez que mulheres são as pessoas que mais viajam no mundo.

O serviço é uma plataforma B2B e B2C (business to consumer) e atualmente está entrando em contato com mulheres para auxiliar na coleta de informações para a implementação desse serviço.

Ao final do programa, será feita uma avaliação geral de todos os participantes.

Encerramento

Após as apresentações das empresas e avaliações da banca, o coordenador da Agência USP de Inovação, o Prof.º Dr.º Marcos Martins Nogueira, encerrou a apresentação:

“No geral, estamos muito bem. A diversidade de propostas e problemas atacados me deixam impressionado […] revelando o potencial da universidade na atividade empreendedora.”

(Foto: )