Notícia

Jornal Dia Dia

Projeto divulga conhecimento sobre os elementos químicos nas redes sociais

Publicado em 02 outubro 2019

Iniciativa acontece no marco do Ano Internacional da Tabela Periódica

No marco do Ano Internacional da Tabela Periódica, celebrado em 2019 a partir de uma iniciativa da Organização das Nações Unidas (ONU), o Laboratório Aberto de Interatividade para a Disseminação do Conhecimento Científico e Tecnológico (LAbI) da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar) acaba de lançar o projeto “Elementar”, que, ao longo de 118 dias, divulgará informações sobre os 118 elementos atualmente presentes na Tabela nas redes sociais do Laboratório – Facebook (www.facebook.com/labiufscar/), Instagram (www.instagram.com/labi_ufscar/), Twitter (twitter.com/clickciencia) e Zap Ciência (https://bit.ly/2nxmcr7) (lista de transmissão no WhatsApp). Esta é a primeira etapa do projeto, que, depois, terá também vídeos sobre os diferentes grupos de elementos e, por fim, um jogo interativo criado a partir desse conteúdo.

A cada dia (de segunda a sexta-feira), é veiculada uma cartela gráfica com o nome, a sigla, número atômico, massa e grupo ao qual pertence o elemento, além de uma imagem associada a esse elemento (geralmente de uma aplicação ou de uma forma de ocorrência na Natureza) e de frase que destaca algum aspecto relevante sobre ele. Junto à imagem, um parágrafo complementar traz outras informações, como aspectos históricos da descoberta ou do uso do elemento, propriedades fundamentais, principais aplicações, importância para a vida e a saúde de plantas, animais e seres humanos, dentre outras características. “Minha expectativa é que as pessoas possam se encantar e se divertir tanto quanto eu pude aproveitar na etapa de pesquisa, além de aprenderem. A Tabela Periódica e, principalmente, os elementos químicos, são conteúdos com os quais convivemos desde muito cedo na vida escolar, além de interagirmos com boa parte dos elementos todos os dias da nossa vida, mas estou impressionada com quão pouco eu sabia sobre vários deles e, inclusive, nada sobre alguns!”, conta a jornalista Mariana Pezzo, uma das responsáveis pela produção do conteúdo do projeto e Coordenadora Executiva do LAbI. “Além disso, aproveitamos alguns ganchos para abordar outros conceitos e conhecimentos de Química, Física, Materiais e, também, outras áreas, como Saúde, por exemplo”, complementa.

“A Tabela Periódica e os elementos permitem ao mesmo tempo abordar o conhecimento mais fundamental e a Ciência aplicada, como, por exemplo, na área dos materiais, que hoje estão relacionados a todos os principais desafios enfrentados globalmente, como na área energética, de informação, Saúde, dente várias outras. Por isso, além da importância que a própria Tabela tem como linguagem comum para diferentes áreas do conhecimento, por exemplo, ela é uma ótima oportunidade de abordarmos os caminhos pelos quais o conhecimento científico é produzido em um momento em que é particularmente importante falar sobre isso”, avalia o Coordenador Geral do LAbI, Adilson de Oliveira. “O projeto também é uma experiência relevante no sentido de criarmos novas formas de comunicação da Ciência nas redes sociais e outros meios digitais, que cada vez mais são canais importantes para a promoção do engajamento do público com a Ciência e, também, dos cientistas com a sociedade”, acrescenta Tárcio Minto Fabrício, pesquisador e Coordenador de Conteúdo do Laboratório.

O projeto “Elementar” é desenvolvido em parceria com o Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais(CDMF), um dos centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (Cepid) apoiados pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), e com a Aptor Software, spin-off do CDMF que já desenvolve vários outros jogos educativos. Os materiais produzidos pelo projeto podem ser conferidos nas redes sociais do LAbI – Facebook, Instagram, Twitter e Zap Ciência – e, em breve, serão compilados também em site específico da iniciativa. Mais informações sobre o LAbI podem ser conferidas no site do Laboratório (www.labi.ufscar.br).

Ano Internacional da Tabela Periódica

O Ano Internacional da Tabela Periódica foi proclamado no aniversário de 150 anos de sua criação, pelo cientista russo Dmitri Mendeleiev, a partir do conhecimento acumulado por vários colegas que o precederam. No site da iniciativa (www.iypt2019.org), dentre várias outras informações sobre a Tabela e links para projetos desenvolvidos para o Ano Internacional, lemos que ela foi uma das conquistas mais importantes e influentes na Ciência, “capturando a essência não só da Química, mas também da Física, Medicina, Ciências da Terra e Biologia”.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Portal Gazeta de São Carlos