Notícia

Portal Exame

Programa BIOTA quer atrair mais jovens pesquisadores

Publicado em 16 dezembro 2014

Por Noêmia Lopes, da Agência FAPESP
São Pedro – Desde que foi lançado, em 1999, o Programa FAPESP de Pesquisas em Caracterização, Conservação, Restauração e Uso Sustentável da Biodiversidade (BIOTA) contribuiu com a formação de 130 pós-doutores, 243 doutores, 326 mestres e 255 alunos de iniciação científica. Hoje, são 121 bolsas e 67 auxílios em andamento só na FAPESP. “É um verdadeiro exército de pessoas treinadas em áreas relacionadas à biodiversidade, mas agora chegamos a um patamar mais constante de bolsas e auxílios. Isso significa, de certa [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.