Notícia

Jornal da Manhã (Marília, SP)

Professor da Unesp atua em estudo que combate desinformação sobre Covid-19

Publicado em 09 agosto 2020

Por Da Assessoria

O professor Wallace Correa de Oliveira Casaca, graduado no curso de Matemática Aplicada e Computacional da Unesp de São José do Rio Preto e professor da Unesp em Rosana, lidera o time de pesquisa responsável pelo projeto “ SP Covid-19 Info Tracker ”, ferramenta que atualiza diariamente dados sobre o Coronavírus em 90 cidades do Estado de São Paulo.

O projeto é formado por pesquisadores da Unesp e da USP que são vinculados ao Centro de Ciências Matemáticas Aplicadas à Indústria (CeMEAI), um dos 17 Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) nacionais, financiados pela FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo).

EDUCAÇÃO E INFORMAÇÃO

Professor da Unesp atua em estudo que combate desinformação sobre Covid-19 ble mas atuais. No centro, eles se dividem em times de pesquisadores e utilizam a ciência e a tecnologia para buscar soluções para problemas. Agora, a pandemia se tornou o principal foco. Wallace está à frente de um desses times de pesquisa e explica que a motivação ao criar o projeto foi combater a desinformação. Com o “ SP Covid-19 Info Tracker ”, é possível divulgar dados atualizados e precisos sobre a pandemia em suas cidades.

“ A plataforma disponibiliza ao público condições tecnológicas para explorar esses dados de forma fácil, interativa e com alto grau de detalhes ”, conta o pesquisador. No site, a população pode acessar dados sobre aumento e declínio dos casos do novo corona virus, indicadores gerais de casos confirmados, descartados, exames realizados, recuperados e óbitos, por município.

A plataforma também fornece um quadro comparativo entre as cidades mais afetadas. Trajetória Walace explica que a plataforma combina o uso de métricas matemáticas com conhecimentos de programação de computadores. Para ele, a formação na Unesp foi primordial para seu desenvolvimento multidisciplinar. Ele comenta que a Unesp tem cursos de graduação e pós-graduação com nível de excelência internacional. “ Na Unesp, o estímulo à multidisciplinaridade na pesquisa é algo comum na formação do aluno. No curso em que me formei, bacharelado em Matemática do IBILCE-UNESP, o estímulo ao uso da matemática como uma ferramenta prática de resolução de problemas sempre foi uma preocupação constante do corpo docente ”, conta o pesquisador.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Jornal da Manhã (Marília, SP) online