Notícia

Jornal da Unesp online

Prof. Nilson Ghirardello recebe apoio em pesquisa

Publicado em 05 dezembro 2011

A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), juntamente com o Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo (Condephaat) e a Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo, aprovou o projeto de pesquisa do professor Nilson Ghirardello, da FAAC. O projeto "Estrada de Ferro Noroeste do Brasil/Bauru, km 0" fará o levantamento e o estudo do patrimônio arquitetônico da Estrada de Ferro Noroeste do Brasil (EFNOB), na cidade de Bauru.

O projeto tem por objetivos Inventariar, identificar, localizar, selecionar e analisar o patrimônio cultural pertencente à antiga EFNOB. A Estrada de Ferro Noroeste do Brasil tinha caráter estratégico para a economia e para o povoamento do interior do país. O grupo vai pesquisar e fazer o levantamento das construções relacionadas com a ferrovia, entre essas construções estão: Estação Central, Escritórios, Conjunto das Oficinas, Conjunto da Vila dos Funcionários.

A pesquisa envolverá o trabalho conjunto de vários professores além do professor Nilson Ghirardello, são eles: Prof. Rosio Fernandez Baca Salcedo; Prof. Dr. Cláudio Silveira Amaral; Prof. Dr. Samir Hernandes Tenório Gomes; Prof. Dr. Paulo Roberto Masseran; todos da FAAC. Também vão participar da pesquisa o Prof. Eduardo Romero de Oliveira, da Unesp de Rosana e o Prof. Julián Sobrino Simal, da Universidade de Sevilha.

Nilson Ghirardello comenta a importância de um projeto desse nível para a FAAC, para os alunos e para o próprio Estado de São Paulo. "O projeto é muito importante para a unidade, a FAAC, pelos recursos envolvidos na pesquisa, que são bem razoáveis. Além disso, vamos trabalhar com muitos alunos, pois teremos pelo menos 12 bolsas de iniciação científica. Essa pesquisa é também relevante para o próprio Estado de São Paulo, é um conhecimento a mais sobre o passado do Estado", explica Nilson.

ACI/FAAC-Unesp