Notícia

Difundir

Prof. Dr. Sílvio Crestana assume um dos comitês de gestão do LIDE INTERIOR SP1

Publicado em 21 janeiro 2013

O pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), de São Carlos (SP), Prof. Dr. Sílvio Crestana, assumiu a presidência do LIDE INOVAÇÃO, que integra o comitê de gestão do LIDE INTERIOR SP1, unidade do Grupo de Líderes Empresariais para o interior paulista.

Graduado em física, Crestana, que já foi diretor-presidente da Embrapa, alcançou diversas titulações acadêmicas no Brasil e no exterior. Nos Estados Unidos realizou dois pós-doutorados, o primeiro junto à Universidade da Califórnia e o segundo na Universidade de Maryland. Além disso, é membro de várias sociedades científicas nacionais e internacionais e do conselho editorial de revistas Soil & Tillage Research e Brazilian Journal of Biology.

Pesquisador visitante em instituições nacionais e internacionais de ensino e pesquisa foi membro associado do Centro Internacional de Física Teórica (ICTP) em Trieste (Itália) por indicação do Prof. Sérgio Mascarenhas e do Prêmio Nobel Abdus Salam, Diretor do ICTP.

Sílvio Crestana é professor convidado e orientador do Programa de Pós-Graduação em Ciências da Engenharia Ambiental da Escola de Engenharia de São Carlos/USP, no Centro de Recursos Hídricos e Ecologia Aplicada do Departamento de Hidráulica e Saneamento. Ministra as disciplinas “Impacto das Atividades Agrícolas nos Recursos da Terra e da Água” e “Transporte de Solutos na Região Não-Saturada do Solo”.

Como orientador de Mestrado e Doutorado, credenciado pela Universidade de São Paulo, dentre outras, já orientou mais de 25 mestres e doutores. É ex-assessor científico da Fundação de Apoio à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e foi membro do Comitê Gestor do Fundo Setorial do Agronegócio do Ministério de Ciência e Tecnologia (MCT) e do Conselho Diretor do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT).

Como cientista, Crestana destacou-se internacionalmente pelo trabalho pioneiro de introdução da tomografia computadorizada na Ciência do Solo, simultaneamente com Petrovic e colaboradores, nos Estados Unidos, e Hainsworth & Aylmore, na Austrália. É autor e co-autor de mais de 150 trabalhos científicos completos, publicados em revistas e congressos nacionais e internacionais, tendo participado de inúmeras bancas de mestrado e doutorado no país e no exterior.

Como pesquisador, o presidente do comitê LIDE INOVAÇÃO propôs e coordenou mais de 20 projetos de pesquisa de âmbito nacional e internacional, em volume superior a US$ 5 milhões, sendo co-autor de 7 patentes.

Na sua gestão como Diretor-presidente da Embrapa, Crestana deu importantes contribuições para a modernização e melhoria de sua infraestrutura física, laboratorial e campos experimentais, quadro de pessoal e carreira, criando novas unidades e áreas de atuação, no Brasil e no exterior. Construiu importantes “pontes” com os setores público e privado, com os poderes executivo e legislativo, segmentos sociais e ampliou significativamente a atuação da empresa no Brasil e exterior. Participou de diversas negociações internacionais, visitando vários países da América Latina, África, Ásia e Europa, incluindo missões com a Presidência da República e Ministérios da Agricultura, das Relações Exteriores, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio e Ciência e Tecnologia. Como conseqüência de tais negociações foram criados escritórios da Embrapa para transferência de tecnologia e inovação, na América Latina e África e laboratórios da Embrapa no exterior (Labex), na Europa e Coréia do Sul.

Dentre a abertura de novos centros nacionais de pesquisa da Embrapa, no Brasil, destaca-se a criação da Embrapa Agroenergia (2006), visando contribuir para o país, de forma diferenciada, na agricultura de energia.

Atendendo encomenda do então ministro da Agricultura Roberto Rodrigues, a Embrapa foi protagonista, em conjunto com a Secretaria de Agroenergia do MAPA, do Plano Nacional de Agroenergia (PNA 2006-2011) lançado como documento norteador das ações estratégicas do Brasil em PD&I. Tais ações estão centradas em temas (plataformas e vertentes para o negócio da agroenergia), equipes (competências) e facilidades (infraestrutura de laboratórios temáticos, central analítica e instrumental, e plantas-piloto), sob a ótica da C&T voltada para o mercado. O foco principal de atuação baseia-se na caracterização de matérias-primas de qualidade, em processos de conversão, e em tecnologias para energia de biomassa. A Agroenergia, na Embrapa, tem avançado nos esforços e resultados para a geração, sistematização, usos, comunicação e transferência de informação e conhecimento na “produção de biomassa e conversão de energia da biomassa”.

Comitê de gestão – Assim como no LIDE BRASIL, além do Prof. Dr. Sílvio Crestana, no LIDE INOVAÇÃO, o LIDE INTERIOR SP1 já confirmou os nomes do empresário Maurilio Biagi Filho, presidente do Grupo Maubisa, na presidência do LIDE AGRONEGÓCIOS; do empresário Chaim Zaher, presidente do SEB-COC, no LIDE EDUCAÇÃO; do economista Alberto Borges Matias, CEO do Inepad e docente da FEA-USP, no LIDE ECONOMIA; do empresário Jardel Massari, sócio-proprietário da Ourofino Agronegócio, no LIDE INDÚSTRIA; do médico Pedro Palocci, diretor do Grupo São Lucas, no LIDE SAÚDE; da jornalista Isabel de Farias, presidente da Fundação Feira do Livro, no LIDE CULTURA; e do empresário David Pinto, CEO da Doutor Resolve, no LIDE JOVEM. Os demais comitês terão os nomes de seus presidentes anunciados em breve.

Saiba mais sobre o LIDE INTERIOR SP1, acessando www.lideinteriorsp.com.br

Atendimento à imprensa:

Núcleo da Notícia Comunicação Corporativa

(16) 3237.7367 / 3237.7368 / 3237.7369

www.nucleodanoticia.com.br

Ana Letícia Carlucci – (16) 8136.8163

anacarlucci@nucleodanoticia.com.br

Vanessa Del Grossi – (16) 9233.2593

vanessadelgrossi@nucleodanoticia.com.br

André Luís Rezende – (16) 8142.4299

andreluisrezende@nucleodanoticia.com.br