Notícia

Head Topics (Brasil)

Procedimento reduz em quase 80% tumor de paciente em hospital de SP: ‘Quebrando barreira’, diz médico

Publicado em 30 novembro 2019

Por Júlia Nunes*, G1 Bauru e Marília

Radioembolização foi feita no Hospital das Clínicas de Botucatu (SP), primeira vez de forma gratuita no Brasil; idoso de 75 anos comemora resultado do tratamento do câncer no fígado.

"O sucesso da radio foi extraordinário. A quimio não adiantou nada, mas a radio conseguiu dar esse resultado positivo que eu sempre esperava”, comemora o paciente, que se recupera após o procedimento feito no dia 19 de setembro.

Segundo o especialista, a radioembolização já é feita em outros hospitais, mas é a primeira vez que foi possível realizá-la em um hospital público, de forma totalmente gratuita. A pesquisa é financiada pela Fapesp e CNPq.

Técnica para tratar câncer de fígado foi feita pela primeira vez de forma gratuita em Botucatu — Foto: HCFMB/Divulgação

"A gente fez uma tomografia antes e depois, e vimos uma destruição enorme do tumor. Todo mundo ficou bem animado", comenta o médico Fernando.

"Acho que uma vez quebrando essa barreira de que nunca fez, mostrar que é possível com o projeto, a minha intenção é conversar com o superintendente do hospital para ver se a gente consegue manter isso pelo SUS, porque o custo não ficou muito maior do que a quimioembolização, que a gente já faz no hospital", completa o médico.