Notícia

São Carlos Dia e Noite

Prefeito ressalta importância da Embrapa na produção de energia renovável

Publicado em 26 novembro 2010

O prefeito Oswaldo Barba participou, na tarde de quinta-feira (25), da cerimônia de posse de Luiz Henrique Capparelli Mattoso como novo chefe-geral da Embrapa Instrumentação em São Carlos.

Em seu discurso, o prefeito sublinhou a importância das unidades da Embrapa na concretização do projeto Cidade da Energia. "As Embrapas traduzem a essência da inovação e tecnologia e sobre São Carlos eu destaco o papel fundamental da instituição da Empresa de Pesquisa Agropecuária na implantação da Cidade da Energia, um projeto que prevê investimentos aproximados em R$ 85 milhões e que será importante para o Brasil na produção de energia renovável", complementa.

A Cidade da Energia ficará localizada em área doada pela Embrapa e no próximo sábado, o Diário Oficial do Município deve publicar edital para obras da 1ª etapa da Cidade da Energia.

Nessa fase estão previstas uma série de obras de infraestrutura que vão desde a duplicação de 7 km da rodovia Guilherme Scatena, acesso ao futuro empreendimento, a investimentos em tratamento de esgoto e saneamento, construídos com recursos do PAC 2, que foram anunciados pelo prefeito Oswaldo Barba. Para a duplicação, o governo Lula liberou R$ 19,7 milhões.

"O Brasil é grande produtor de alimentos e energia renovável. Com empenho e dedicação da nossa equipe de trabalho e pesquisadores vamos avançar nesses campos de pesquisa", comentou Mattoso em seu discurso.

Álvaro Macedo, que deixou o cargo de chefe-geral da Embrapa Instrumentação, agradeceu a Prefeitura de São Carlos pelas inúmeras parcerias durante a sua gestão à frente da Empresa, de mais de 4 anos. A solenidade também contou com a presença do diretor-presidente da Embrapa, Pedro Arraes.

Perfil - Mattoso é o sexto chefe geral a administrar a Embrapa Instrumentação em 25 anos. É Engenheiro de Materiais com mestrado e doutorado em Ciência e Engenharia dos Materiais pela Universidade Federal de São Carlos (UFSCar).

Possui especialização nas Universidades: Université de Montpellier e Domaine Universitaire Saint Martin d Heres Grenoble na França, University of Pennsylvania, Estados Unidos, tendo trabalhado com o professor Alan MacDiarmid, Prêmio Nobel de Química de 2000, com o qual publicou 10 artigos em revistas especializadas.

Mattoso é pesquisador da Embrapa Instrumentação desde 1994 e liderou vários projetos na Embrapa, FAPESP, CNPq, FINEP e CAPES, somando captação de recursos superiores a R$ 10 milhões, nos temas: nanotecnologia, sensores de interesse para a agroindústria, polímeros condutores, polímeros naturais, compósitos com fibras vegetais, novos usos de produtos agrícolas, desempenho de novos clones de borracha natural e desenvolvimento de materiais de fonte renovável.