Notícia

Planeta Universitário

Pós-Doutorado em Síntese Orgânica na USP São Carlos

Publicado em 01 dezembro 2015

O Instituto de Química de São Carlos (IQSC) da Universidade de São Paulo (USP) oferece uma vaga de Pós-Doutorado com bolsa da FAPESP. As inscrições estão abertas até o dia 6 de dezembro. O candidato selecionado atuará na área de Química Medicinal, sob a supervisão do pesquisador Antonio Burtoloso e no âmbito do Projeto Temático Planejamento, síntese e atividade tripanossomicida de inibidores covalentes reversíveis da enzima cruzaína.

O objetivo do estudo é sintetizar e avaliar novas entidades químicas que agem para validar o alvo cruzaína no tratamento da doença de Chagas.

A doença de Chagas é endêmica na América Central e do Sul e se espalhou para outras regiões do planeta. Considerando que as duas drogas disponíveis (nifurtimox e benznidazol) têm efeitos secundários graves, novas entidades químicas são necessárias. Atualmente, a equipe do IQSC/USP trabalha em uma série de novas classes de peptidomiméticos.

Para concorrer à vaga, é preciso ter doutorado em Química Orgânica Sintética ou Química Medicinal Sintética.

Declaração de interesse, duas cartas de recomendação e currículo devem ser encaminhados paraantonio@iqsc.usp.br. Entrevistas por Skype poderão ser solicitadas.

A oportunidade está publicada no endereço www.fapesp.br/oportunidades/964.

O selecionado receberá bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 6.143,40 mensais e Reserva Técnica. A Reserva Técnica da bolsa de PD equivale a 15% do valor anual da bolsa e tem o objetivo de atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista resida em domicílio diferente e precise se mudar para a cidade onde se localiza a instituição sede da pesquisa, poderá ter direito a um Auxílio-Instalação.

Mais informações sobre a bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis emwww.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas de Pós-Doutorado, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades

Agência FAPESP