Notícia

NewsLab online

Pós-doutorado em Metabolismo Energético com bolsa da FAPESP

Publicado em 04 fevereiro 2019

 

O Centro de Pesquisa em Processos Redox em Biomedicina (Redoxoma), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP, abriu uma oportunidade de pós-doutorado para o projeto “Fatores serológicos envolvidos na proteção de células beta contra glucolipotoxicidade”. O prazo de inscrição vai até dia 22 de fevereiro de 2019.
O objetivo do projeto é identificar fatores protetores no soro de animais magros que poderão fazer parte de novas estratégias terapêuticas na diabetes tipo dois.
O grupo de pesquisa envolvido demonstrou recentemente que o soro de animais magros, restritos caloricamente, protege as chamadas células beta, aumentando a secreção de insulina sensível à glicose em condições normais e na toxicidade por glicose e ácidos graxos.
Interessados pela vaga devem enviar e-mail para a supervisora do projeto, a professora Alicia Juliana Kowaltowski(alicia@iq.usp.br). Mais informações sobre a vaga: www.fapesp.br/oportunidades/2601.
A oportunidade de pós-doutorado está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 7.373,10 mensais e Reserva Técnica equivalente a 15% do valor anual da bolsa para atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.
Caso o bolsista de PD resida em domicílio fora da cidade na qual se localiza a instituição-sede da pesquisa e precise se mudar, poderá ter direito a um auxílio-instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd.
Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.

O Centro de Pesquisa em Processos Redox em Biomedicina (Redoxoma), um dos Centros de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPIDs) financiados pela FAPESP, abriu uma oportunidade de pós-doutorado para o projeto “Fatores serológicos envolvidos na proteção de células beta contra glucolipotoxicidade”. O prazo de inscrição vai até dia 22 de fevereiro de 2019.

O objetivo do projeto é identificar fatores protetores no soro de animais magros que poderão fazer parte de novas estratégias terapêuticas na diabetes tipo dois.

O grupo de pesquisa envolvido demonstrou recentemente que o soro de animais magros, restritos caloricamente, protege as chamadas células beta, aumentando a secreção de insulina sensível à glicose em condições normais e na toxicidade por glicose e ácidos graxos.

Interessados pela vaga devem enviar e-mail para a supervisora do projeto, a professora Alicia Juliana Kowaltowski (alicia@iq.usp.br). Mais informações sobre a vaga: www.fapesp.br/oportunidades/2601.

A oportunidade de pós-doutorado está aberta a brasileiros e estrangeiros. O selecionado receberá Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP no valor de R$ 7.373,10 mensais e Reserva Técnica equivalente a 15% do valor anual da bolsa para atender a despesas imprevistas e diretamente relacionadas à atividade de pesquisa.

Caso o bolsista de PD resida em domicílio fora da cidade na qual se localiza a instituição-sede da pesquisa e precise se mudar, poderá ter direito a um auxílio-instalação. Mais informações sobre a Bolsa de Pós-Doutorado da FAPESP estão disponíveis em www.fapesp.br/bolsas/pd.

Outras vagas de bolsas, em diversas áreas do conhecimento, estão no site FAPESP-Oportunidades, em www.fapesp.br/oportunidades.