Notícia

APTA - Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios / Governo do Estado de São Paulo

Plantas medicinais e aromáticas serão discutidas em evento no vale do Paraíba

Publicado em 19 novembro 2008

A produção e a comercialização de plantas medicinais e aromáticas no Vale do Paraíba são assuntos da reunião técnica que acontece no dia 21 de novembro, às 9 horas, em Pindamonhangaba (SP). O evento é promovido pelo Pólo Regional do Vale do Paraíba/APTA da Secretaria de Agricultura e Abastecimento - em parceria com a Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (CATI-SAA), Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba, Surya Cosmetics e Viveiro Ymyrá – e tem o apoio financeiro da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP).

Segundo a pesquisadora Sandra Maria Pereira da Silva, coordenadora do evento, o objetivo é reunir os atores da cadeia produção de plantas medicinais e aromáticas, para discutir as políticas públicas vigentes, experiências em outras regiões do Estado, demandas de indústrias e encaminhamentos para promover o setor no Vale do Paraíba.

O evento atende às ações de dois projetos. O primeiro, coordenado por Maria Cláudia Blanco (CATI-Dextru), encontra-se na fase III, cujas ações visam aplicar os resultados obtidos ao longo da pesquisa no Vale do Paraíba. Um diagnóstico da cadeia de produção das plantas medicinais, aromáticas e condimentares foi realizado, por meio do Programa de Pesquisa de Políticas Públicas da FAPESP, em 35 municípios da região, com foco na geração de renda na agricultura familiar. O projeto teve a parceria da Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP e o apoio do Pólo Regional do Vale do Paraíba/APTA.

Foram priorizados os municípios onde há a presença de produtores familiares e que integram o universo cultural caipira. Os questionários abrangeram produtores rurais; extrativistas; feirantes; ambulantes; farmácias de manipulação e convencionais; usuários (raizeiros, benzedeiras, curandeiros e terapeutas) e indústrias. Foram diagnosticadas as plantas mais produzidas na região; as mais indicadas para uso; as mais vendidas em feiras; as mais vendidas no varejo; e as indústrias que desenvolvem atividades afins. Os resultados obtidos nesta pesquisa subsidiarão a definição de estratégias de extensão rural e pesquisa de plantas medicinais, aromáticas e condimentares.

Já o segundo projeto, coordenado pela pesquisadora Sandra Silva, do Pólo Regional do Vale do Paraíba, encontra-se em andamento (término previsto em 2009). É desenvolvido em parceria com a prefeitura municipal de Pindamonhangaba (projeto de Política Pública Municipal de Plantas Medicinais e Fitoterapia na Rede Pública de Saúde) e recebe apoio financeiro do Programa de Pesquisa em Políticas Públicas da FAPESP.

Também estão envolvidos na reunião e nos projetos o pesquisador Hélio Takada Minoru e profissionais da CATI, Prefeitura Municipal de Pindamonhangaba, Faculdade de Agronomia da UNITAU, Faculdade de Ciências Agronômicas da UNESP/Botucatu e Associação de Plantas Medicinais e Fitoterapia Nova Essência de Pindamonhangaba.

SERVIÇO

Reunião Técnica: Produção e comercialização de plantas medicinais e aromáticas no Vale do Paraíba

Data: 21 de Novembro de 2008, às 9 horas

Local: Pólo APTA do Vale do Paraíba-Setor Fitotecnia e Fitossanidade

km 97,5 da Rodovia Presidente Dutra

Pindamonhangaba - SP

Informações: (12) 36421823/3648-5588 e sandrasilva@apta.sp.gov.br

PROGRAMA

Programação: 08:00hs - Inscrições com chá da manhã

09:00hs - Abertura da Reunião

09:10hs - Palestra “Produção e comercialização de plantas medicinais: experiência na região de Ribeirão Preto-SP” – Eng. Agr. Maurício Augusto Andrião - FCA/UNESP - Botucatu

10:00hs - Palestra “Diagnóstico de produtores rurais interessados na cadeia produtiva de plantas medicinais e aromáticas na região do Vale do Paraíba” - Eng. Agr. Amira Rachid

10:50hs - Palestra “Surya e os Orgânicos: desenvolvimento com sustentabilidade” Eng. Felipe Caranassios - Surya Comestics/São Paulo

11:40hs – Intervalo para almoço

13:00hs - Palestra “Produção de mudas de espécies nativas” – Biólogo Celso Alfredo Barbieri Júnior – Viveiro Ymyrá

13:30hs - Experiências de produção na região do Vale do Paraíba: capim-limão – Produtores Lúcia Bustamante (Pindamonhangaba), José Benedito Marques (Jacareí) – limitações e desafios futuros

14:40hs - Projetos de pesquisa desenvolvidos no Pólo APTA do Vale do Paraíba - Pesq. Cient. Sandra Maria Pereira da Silva

15:00hs - Troca de experiências com os participantes do evento e encaminhamentos para promover a cadeia produtiva de plantas medicinais e aromáticas no Vale do Paraíba

16:00hs – Encerramento com chá da tarde e entrega de certificados

José Venâncio/Adriana Nascimento

Assessoria de Comunicação da APTA

11-5067-0424