Notícia

Correio Braziliense online

Planejamento de áreas urbanas afeta positivamente o bem-estar dos moradores

Publicado em 23 outubro 2016

Por Paloma Oliveto
Aquele velho ditado “você é o que você come” ficou para trás. Com um mundo cada vez mais urbano, hoje se pode dizer que “você é onde você vive”. O planejamento das cidades tem grande influência sobre a saúde: a organização de ruas, bairros, parques, avenidas, entre outros componentes, impacta direta e indiretamente na prevalência de doenças respiratórias e males crônicos, como obesidade, diabetes, câncer e hipertensão. Calcula-se que, em 2050, 75% da população mundial esteja concentrada no meio urbano. A [...]

Conteúdo na íntegra disponível para assinantes do veículo.