Notícia

Info Energia

PILULAS ENERGÉTICAS

Publicado em 31 janeiro 2013

São Paulo, 31/01/2013 - A ETH Bioenergia, controlada pela Odebrecht, e a dinamarquesa Inbicon assinaram um acordo de cooperação para desenvolver tecnologias mais competitivas para o etanol de segunda geração no mercado brasileiro.

-Cálculo da União da Indústria Canavieira (UNICA), mostra que o aumento da gasolina támbem vai provocar um ajuste no preço do etanol.O preço do etanol ao consumidor deverá ter um ajuste de cerca de 3,86%.

-Governo ao elevar a mistura do etanol na gasolina para 25%, vai tentar que o preço da gasolina não suba muito. Esta é a explicação.

- O físico José Goldemberg, que já foi ministro da Educação, secretário do Meio Ambiente da Presidência da República e reitor da Universidade de São Paulo (USP), obteve em janeiro mais um reconhecimento internacional. Ele foi o vencedor do Prêmio Zayed de Energia do Futuro (Zayed Future Energy Prize) na categoria Life achievement, concedido a profissionais de destaque na área de energia renovável.Das mãos do xeique Mohammed bin Zayed Al Nahyan, príncipe herdeiro de Abu Dhabi, Goldemberg recebeu o prêmio no valor de US$ 500 mil em uma cerimônia na capital dos Emirados Árabes Unidos (EAU)."Fiquei admirado por ter recebido o prêmio, porque não só é um reconhecimento do trabalho científico que tenho feito, mas também de que a bioenergia é um ingrediente importante para um futuro sustentável", disse Goldemberg à Agência FAPESP.

-Na área de bionergia, no fim dos anos 1970, Goldemberg publicou na revista Science um artigo no qual calculou a quantidade de energia consumida por três plantas - mandioca, sorgo-doce e cana de açúcar - para produzir o etanol, mostrando a eficiência da cana na comparação.?Ajudei a identificar as características positivas da bioenergia. O pessoal produzia açúcar e etanol há 30 anos, mas não tinha se dado conta de que etanol é no fundo energia solar transformada em um líquido. Meu trabalho publicado na Science mostrou isso: etanol é no fundo energia solar convertida em líquido?, disse.

 -A termelétrica da AES Uruguaiana, localizada no município de Uruguaiana, no Rio Grande do Sul, iniciará sua operação na próxima semana, após os sete dias de testes de comissionamento. Os testes estão previstos para começarem na sexta-feira, 1º de fevereiro, data em que o gás natural deve ser entregue à usina pela Sulgás, concessionária responsável pela contratação e transporte do combustível que abastecerá a térmica durante a operação.