Notícia

Diário de Pernambuco online

Pesquisadores irão criar protocolo de ações para mitigar impacto das machas de óleo

Publicado em 09 dezembro 2019

Um protocolo de ações ordenadas de pesquisas voltadas ao monitoramento e mitigação do impacto das manchas de óleo na costa brasileira está sendo criado em evento que está sendo realizado até esta terça-feira (10), no Instituto de Tecnologia de Pernambuco, na Cidade Universitária.

Participam do Workshop pesquisadores da Rede Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) SOS Mar, Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), Universidade São Paulo (USP), Universidade Estadual de Campinas (unicamp) e Academia Brasileira de Ciências (ABC). O evento tem o apoio da Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Facepe) e Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp).

Nesta segunda-feira (9) pela manhã, pesquisadores de Pernambuco e de São Paulo visitaram áreas afetadas pelo derramamento do óleo (costão da Praia de Itapuama, no município do Cabo de Santo Agostinho). Nesta terça-feira (10), o grupo irá trabalhar na identificação dos principais impactos ambientais, para realizar propostas de ação conjunta para mitigação de efeitos e monitoramento. Também serão analisados os impactos econômicos e sociais e definidas propostas de inovação e tecnologia com base nos impactos relatados. Serão pensadas ações imediatas, de médio e longo prazo.

Essa notícia também repercutiu nos veículos:
Portal Pinzón